terça-feira, 12 de junho de 2018

Lágrimas e sorrisos


Tenho pensado na Palavra de Deus... Em sua relevância para a nossa vida e este nosso tempo. Nela, encontro ensinamentos sólidos, sobre a necessidade de permanecermos firmes e resolutos em nosso andar e viver com o Senhor. Ela também nos adverte quanto aos conflitos da vida... Ao afirmar que há tempo de chorar e de rir; tempo de prantear e de dançar (Eclesiastes 3:4). Então, eu pergunto: Quem, em sã consciência, pode dizer que nunca intercalou choro com riso? Assim... Embora se diga que o mundo é um vale de lágrimas; todavia, lágrimas e sorrisos se sucedem na vida de todos nós.

Neste mundo, é comum sofremos - tanto por ganho (algo indesejável), como por perda (bens e pessoas). Entretanto... Seja com perdas, seja com ganhos; as pessoas sempre hão de ter o seu "momento sorriso". O importante é sabermos tirar o devido proveito dessas alternâncias; pois lágrimas e sorrisos podem nos aliviar (tanto por dentro, como por fora) e até nos aproximar mais de Deus. Na verdade... Existe a "alegria do Senhor" e a "tristeza segundo Deus". Enfim... A importância da vida não está em quantas vezes choramos ou quantas vezes sorrimos; mas em ficarmos firmes em Jesus.

Este é um texto profundo: "Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu. Há tempo de nascer, e tempo de morrer; tempo de plantar, e tempo de arrancar o que se plantou; Tempo de matar, e tempo de curar; tempo de derrubar, e tempo de edificar; Tempo de chorar, e tempo de rir; tempo de prantear, e tempo de dançar; Tempo de espalhar pedras, e tempo de ajuntar pedras; tempo de abraçar, e tempo de afastar-se de abraçar; Tempo de buscar, e tempo de perder; tempo de guardar, e tempo de lançar fora" (Eclesiastes 3:1-6). É uma palavra para se ler e pensada.

Esta canção me cativou, desde a primeira vez que a ouvi:
https://youtu.be/vZNyek3OUbk

Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário