segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Fui convocado a orar

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e texto

Hoje de manhã fui convocado a orar... Na verdade, o chamado à oração é sempre sutil; daí, que nem sempre o percebemos. Mas quando isto acontece, é porque, naquele momento, a oração é inadiável. Enquanto eu me dirigia para o lugar de oração; minha mente me trouxe a imagem do trabalho dos últimos dias... Como não louvar a Deus? Se é Ele que nos dá condição para servir. Louvado seja o Senhor Jesus!

Na sexta-feira, uma reunião familiar em casa de irmãos, há anos fora da igreja. Como sentimos a presença de Deus entre nós! E ontem, cinco horas de ensinamento (com pequeno intervalo para um lanche) aos alunos do CEFORTE em Aveiro... Foi muito bom termos ali estado. E hoje, iniciar com oração um dia que promete ser auspicioso. Que bênção! Oro a Deus por minha vida, família e chamado!

Quando sou tentado a desistir, o Espírito me faz lembrar textos, assim como este: "Segundo a minha intensa expectação e esperança, de que em nada serei confundido; antes, com toda a confiança, Cristo será, tanto agora como sempre, engrandecido no meu corpo, seja pela vida, seja pela morte." (Filipenses 1:20). Feliz é aquele professa fé em Cristo Jesus! E que nele encontra seu grande prazer e maior tesouro!

O grupo Life marcou época; e esta canção foi uma das razões:
https://youtu.be/NhIRxmLLOuA

Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário