quinta-feira, 11 de abril de 2013

Vale da mágoa


Em uma dessas manhãs, enquanto eu orava; também buscava o socorro de Deus para lidar com os sentimentos. Gente, não é fácil lidar com a emoção! Especialmente, quando nos sentimos traídos ou simplesmente rejeitados por alguém. No entanto, sentimentos assim fazem parte do cotidiano da vida de qualquer pessoa; mesmo daquelas que, como eu, julgam não ter inimigos. As vezes, penso que Deus precisa nos provar nesta área; por isso - quando não existem inimigos à mão - Ele pode permitir que amigos chegados sejam o instrumento de provação.
 
Todavia, tenho procurado fortalecer minhas defesas espirituais; pois sei o quão necessário é estar preparado para vencer os combates travados dentro de mim. E faço isso, pois não é de hoje que tenho notado; que a jornada de um homem - seja ele um homem de Deus ou não - passa por um caminho que intercala os vales mais diversos: Ora, ele passa pelo vale escuro; ora, pelo vale iluminado; e, muitas vezes, pelo vale da mágoa e da frustração. No entanto, já assentei em meu frágil coração que, em nome de Jesus, não morrerei no vale da mágoa!
 
Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário