quarta-feira, 30 de maio de 2012

Aniversário da IMW de Alagoa-MG


No sábado passado, de manhã, Célia e eu saímos em direção ao sul de Minas. Chegamos na casa do Pastor Gilberto Mendes, em Itamonte, por volta das 13 horas. Ele e toda a sua família já nos esperavam para o almoço. A irmã Rosana preparou um verdadeiro banquete, com direito a leitoa assada e a frango caipira cozido. Enquanto comíamos, conversávamos sobre o crescimento da obra wesleyana na cidade. Após o almoço, descansamos um pouco; e, depois de um bom banho, saímos para a cidade de Alagoa - uma viagem em rodovia montanhosa e acidentada, sendo a maior parte em terreno de chão batido. Antes, porém, passamos pelo novo salão de cultos em Itamonte. Uma bênção!

Visita a IMW de Alagoa

Chegando em Alagoa, ficamos hospedados na casa do casal - João e Juliana. Mas Célia ainda deu uma passadinha na casa do Pastor Jair Sena, que mora ao lado do templo, onde a irmã Euseana nos esperava com um delicioso café. O culto foi iniciado com o templo inteiramente lotado, inclusive a galeria. Foi exibido por data-show um histórico desta igreja, que completou mais um ano de existência. Pastores presentes: O Pastor Couto, da IMW de Caxambu; o Pastor Camilo, da IMW de S. Lourenço; o Pastor Gilberto, da IMW de Itamonte; e os pastores dos dois campos da Assembléia de Deus. Ao final, foi servido um lanche a todos os irmãos visitantes; e um jantar aos pastores e seus familiares.

Visita a congregação wesleyana da Pedra do Papagaio 

No domingo pela manhã, após um café da manhã na casa do Pastor Jair, fomos em direção ao local onde fica uma das congregações da IMW de Alagoa - a cerca de uma hora de viagem de carro. O local é paradisíaco, na forma de um belo vale, com a famosa "Pedra do Papagaio" se sobressaindo com mais de dois mil metros acima do nível do mar. Ali reside uma comunidade de wesleyanos, que nos esperavam para um almoço. Eles capricharam no frango e na leitoa assada. Foi uma bênção nossa estada com o Claumir e a Rose; o Antônio e a Tatiane (que cozeu pinhões para nós); a Luciana; e o José Batista e Maria (foi ele que assou a leitoa e o frango). A congregação é dirigida pelo Anderson que, com sua esposa Joceli, reside e trabalha no local. Foi maravilhoso o tempo que passamos ali!

Culto de encerramento em Alagoa

A noite, foi realizado o culto de encerramento da festa de aniversário da igreja. Foi um culto tão enriquecido pela presença de Deus como o da noite anterior. Cada vez que vou até Alagoa, fico admirado com a dedicação da liderança local, sob o comando do Pastor Jair. Maria Célia deu uma palavra de grande edificação para todos nós; e, como na noite anterior, preguei a Palavra de Deus. O poder de Deus se manifestou e era visível a alegria e quebrantamento no semblante dos irmãos.

Ao final, fomos para a cozinha do irmão Sarjob, onde a irmã Nadir e sua filha Juliana prepararam um caldo delicioso, que foi saboreado com farofa de pinhão. Aproveitei para dar uma palavra de incentivo ao irmão João, esposo de Juliana, que retornou ao caminho do Senhor após ter se desviado. Mas creio que o Senhor o levantou, como fruto da orações daqueles que intercederam por sua libertação.

Retorno a Itamonte

Na manhã de segunda-feira, tomamos um café completo na casa do Sarjob, preparado pela irmã Nadir; e passamos um bom tempo conversando e rindo juntos. Em seguida, partimos para Itamonte, onde o Pastor Gilberto e Rosana nos esperavam para um delicioso almoço bem mineiro (abóbora cozida, angu com fubá de moinho de pedra e bifes acebolados). Após o almoço, fomos orar no comércio de uma querida família que está se transferindo para nossa igreja. Foi um momento de oração, em que sentimos fortemente a presença de Deus! Dali mesmo, Célia e eu saímos de regresso - com o coração saudoso - mas louvando a Deus por tudo aquilo que Ele fez por ocasião desta visita!

Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário