sábado, 20 de agosto de 2016

Quem poderia imaginar


Nesta manhã, pensei no livro "O Peregrino", de John Bunyan; livro que li e reli, muitas vezes, em meus primeiros anos como pregador do evangelho. Quem poderia imaginar que, nos anos sombrios do século 16, estava sendo preparado por Deus um humilde funileiro chamado para ser um dedicado pastor. E assim, durante mais de doze anos passados nos fétidos cárceres ingleses; este homem de Deus escreveu este livro - obra que, segundo muitos, é a mais lida depois da Bíblia - que descreve em linguagem figurada, a jornada do cristão rumo à Canaã celestial. Como me enriqueci lendo esta obra!

Ao pensar neste fato; penso também em muitos obreiros do Senhor em nosso tempo... Os quais, no sincero desejo de aprimorar o nível de seu ministério; ingressam em uma faculdade em busca de um curso superior, para melhor servirem ao Mestre. Todavia, lamento o fato de, muitos deles, começarem a se encantar com os seus novos conhecimentos; até ao ponto de começarem a questionar a origem e razão da vocação e doutrina. Para minha surpresa, chego a ver alguns se desviarem do Caminho da Verdade; porém, convictos que seus valores espirituais foram enriquecidos. Meu Deus, que tristeza!

Procure ler atentamente este texto e seu contexto: "Porque, vede, irmãos, a vossa vocação, que não são muitos os sábios segundo a carne, nem muitos os poderosos, nem muitos os nobres que são chamados. Mas Deus escolheu as coisas loucas deste mundo para confundir as sábias; e Deus escolheu as coisas fracas deste mundo para confundir as fortes; E Deus escolheu as coisas vis deste mundo, e as desprezíveis, e as que não são, para aniquilar as que são; Para que nenhuma carne se glorie perante ele." (1 Coríntios 1:26-29). Nele fica bem claro que o único preparo indispensável é o de Deus.

Encontro importante conteúdo nesta canção cristã:
https://youtu.be/IbO51UynqvA

Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário