sexta-feira, 23 de outubro de 2015

Oração deve ser cultivada


Enquanto procuro me ajeitar no lugar de oração, procuro fazer uma espécie de revisão de vida e propósito (estou entre os que acreditam, que sempre haverá uma ideia a amadurecer e uma atividade a encetar). Entendo que o lugar de oração deve ser o ponto de partida, para todos os planos a serem implementados; e todos os alvos a serem alcançados. Penso que, à todos os que vêm a necessidade de orar como eu vejo, a oração deve ser cultivada como uma planta rara - de amplo expecto - capaz de nos levar à dimensão do Divino Espírito; ou, de trazer o Santo Espírito à nossa dimensão humana.

Aproveitei para interceder, por minha pequena casa e por uns amigos bem especiais, que estão precisando muito de oração. Na verdade - seja no lar, no lazer ou no labor - enfrentamos lutas e desafios constantes. Portanto, baixar a guarda não é nada bom! Especialmente quando estamos em clima de descontração. Além das provações de rotina, o servo de Deus se torna alvo constante; tanto das bestas feras que atuam no mundo espiritual, como dos dardos inflamados do maligno, lançados com frequência contra os que anelam viver na presença de Deus. Mas, se orarmos, não devemos temer!

Este texto aborda uma guerra, que é bem diferente dos padrões humanos:

"Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para poderdes ficar firmes contra as ciladas do diabo; porque a nossa luta não é contra o sangue e a carne, e sim contra os principados e potestades, contra os dominadores deste mundo tenebroso, contra as forças espirituais do mal, nas regiões celestes. Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau e, depois de terdes vencido tudo, permanecer inabaláveis. Estai, pois, firmes, cingindo-vos com a verdade e vestindo-vos da couraça da justiça. 15 Calçai os pés com a preparação do evangelho da paz; embraçando sempre o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do Maligno. Tomai também o capacete da salvação e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus; 18 com toda oração e súplica, orando em todo tempo no Espírito e para isto vigiando com toda perseverança e súplica por todos os santos."
(Efésios 6.11-18)

E esta guerra exige um preparo bem diferente; pois não é contra homens.

É sempre bom ouvir canções mais antigas; porem, não menos ungidas, como esta:
https://youtu.be/1nBFwtDM0D8

Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário