sexta-feira, 1 de abril de 2011

Abençoada Visita

Deus tem nos dado a graça de percorrer a II Região. Já visitamos a grande maioria das igrejas... Convivemos de perto com a grande maioria dos pastores e seus familiares. Celia e eu nos sentimos chamados para um ministério que, entre outras ocupações, nos mantém em constante contato com aqueles que o Senhor entregou aos nossos cuidados - Os Pastores e Obreiros.

Também nos sentimos chamados a percorrer as igrejas; as quais se constituem na razão de ser da II Região. São 172 igrejas distribuídas entre os 23 Distritos Eclesiásticos e os 4 Campos Missionários Setoriais. Somos gratos a Deus por tamanho privilégio! Sabemos que existe uma recompensa para aqueles que se dedicam a fazer a obra do Senhor com dedicação e esmero. Todavia, mesmo que não houvesse tamanho galardão; o fato de podermos servir e motivar a este rebanho que o Senhor nos confiou, já é considerado por nós uma grande recompensa!

Mas existe um outro privilégio que temos tido - à par e passo com este que colocamos acima: É podermos atender a alguns convites, de um e outro pastor de outra região. E nestes últimos dias, tivemos a alegria de poder atender a dois desses convites: Visitamos no domingo, a IMW de Nilópolis - sobre a qual já publicamos um "post"; e na segunda-feira, a IMW de Boa Vista. Agora vamos postar a visita à igreja de Boa Vista - pastoreada pelo Pastor Gerson Costa.

IMW de Boa Vista

Viajamos do Rio de Janeiro para Volta Redonda (cerca de duas horas de viagem), a tempo de chegar para participar do delicioso almoço preparado pela irmã Rosalha - esposa do Pastor Gerson costa. Foi um grande prazer termos podido estar mais uma vez naquela confortável casa. Uma dádiva do Senhor a esta abençoada família, após tantos anos de ministério integral; totalmente dedicado a abençoar vidas, nas igrejas por onde passou exercendo o seu pastorado.

Como sempre acontece, nas visitas ao Pastor Gerson Costa, existe sempre aquele "dedinho de prosa", voltado para os mais diversos assuntos - todos ligados à obra do Senhor. Pouco depois do almoço, nós dois saímos para visitar a sede do "Jornal da cidade" - importante diário regional - onde ele tem uma coluna semanal a alguns anos. Ali, fomos recebidos pela equipe que dirige e põe este jornal em circulação diária. Fomos também entrevistados pela equipe de jornalismo.

Ao sairmos dali, passamos em casa do Pastor Gerson, para pegar Rosalha e Maria Célia; pois, tínhamos uma visita a fazer em casa de minha prima Joselita Calegari Tirelo e seu esposo - Presbítero Silas. Esta é uma família pioneira da obra wesleyana em volta Redonda. Encontramos também o Presbítero Joeci e sua esposa Aline - filho e nora do casal. Tomamos um delicioso lanche, em meio à sombra de um jambeiro e um pé de acerola, na parte dos fundos do quintal de sua casa. Que momento tão especial desfrutamos ali!

Retornamos à casa, ainda em tempo de ter um breve descanso - muito breve mesmo! Pois o culto de aniversário, dos 31 anos da IMW de Boa vista, se iniciaria as 19.30 - e não queríamos nos atrasar. Após um banho rápido, saímos para este maravilhoso culto. Foi uma experiência gratificante! Participamos da homenagem prestada ao veterano no ministério - Pastor jubilado - Cila Lúcio de Morais; do qual tive a honra de sentar-me ao lado no púlpito. O jornal "A Voz da Cidade" também estava lá, para registrar e fotografar aquele momento; o qual seria transformado em reportagem no dia seguinte.

O culto contou com a presença de alguns pastores e presbíteros; bem como de membros de algumas congregações. Houveram várias participações. Célia se dirigiu à igreja, com uma breve palavra de edificação. Anotei também a presença do Pastor Samuel e sua querida família (ele foi Diretor Geral de Jovens da IMW); o qual encontra-se convalescendo de um grave acidente de automóvel sofrido a alguns anos, em Recife. Sua recuperação é fantástica - já renovou sua CNH; está dirigindo, pregando, etc. Ouvimos a leitura de um histórico desta querida igreja; com a menção dos nomes de todos os obreiros que passaram por ela, desde a sua fundação. Deus me deu uma palavra profética para aquela igreja - sobre "sofrimento" - sobre a qual não falarei agora. Ao final, Célia e eu fomos homenageados e presenteados. Após um momento de intercessão, o culto foi encerrado com oração pelo Pastor Cila Lúcio e impetração da bênção apostolica por este que vos escreve.

Após o culto, houve um momento social; e um farto e delicioso lanche nos foi servido, nos anexos do templo. Retornamos à casa do nosso anfitrião em seguida. E agora, com a presença do Gustavo - um de seus filhos - atual Diretor Regional de Jovens da Primeira Região, que chegou do Rio ao final do dia. Enquanto Maria Célia e Rosalha foram se recolher; ficamos conversando em volta da mesa, sem ver o tempo passar. Quando nos demos conta do horário, já passava das duas horas da manhã. Fomos logo dormir; pois, pela manhã, após o café, teríamos que seguir viagem de volta à casa. Até o próximo "post".

Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário