terça-feira, 23 de junho de 2015

Assim age o amor de Deus


Estou em contagem regressiva para o retorno à BH. Daqui a pouco, participarei da Ceia da Unidade, que será o desfecho do III Encontro Distrital do Distrito de Itabuna. Busquei a Deus, ainda escuro, e procurei agradecer tudo que tem feito em minha vida. Agradeci por poder entender, como Davi, a importância de pisar a relva macia, acariciando o pasto verdejante onde Ele me faz repousar; pois, estar junto às águas de descanso é algo que não tem preço. Em Sua presença, a paz se confirma e o medo se dissipa. É o lugar onde posso entender perfeitamente que o amor doa sem ter, explica sem dizer, entrega sem sofrer; e, se sofre, nem se dá conta; pois tudo é capaz de suportar. Assim age o amor de Deus em quem o tem.
 
Precisamos, MESMO, pedir a Deus que nos ajude a perseverar em Sua presença; pois o mundo em que vivemos é hostil e conspira contra os valores sagrados. Pois é em Sua presença que alcançamos o nível de sentimento que nos capacita a amar sem ser amado, a viver sem arrogância, a perdoar sem buscar nada em troca. Também agradeci a Deus, por me fazer ver que a unção sem a missão não tem sentido; assim como, a missão sem unção não tem retorno. Então, preciso receber a unção que vem de Deus, para cumprir a missão que Deus me confiou; todavia, preciso entender que uma sem a outra não se sustenta. Finalmente Lhe agradeci por minha pequena casa, por meus amigos e irmãos, e por minha vocação.
 
Amor depurado de leviandade e egoísmo é o amor que Deus oferece ser humano: "O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece. Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal; Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade; Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. O amor nunca falha; mas havendo profecias, serão aniquiladas; havendo línguas, cessarão; havendo ciência, desaparecerá; Porque, em parte, conhecemos, e em parte profetizamos; Mas, quando vier o que é perfeito, então o que o é em parte será aniquilado." (1 Coríntios 13:4-10). Portanto, este é o amor que todo cristão precisa demonstrar.
 
Enquanto refletirmos sobre o amor de Deus, podemos ir ouvindo esta canção interpretada por Ozeias de Paula: www.youtube.com/watch?v=bw5RfzGtGQA
 
Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário