sábado, 14 de julho de 2012

Armadilha do desejo


"Dize-lhes: Vivo eu, diz o Senhor DEUS, que não tenho prazer na morte do ímpio, mas em que o ímpio se converta do seu caminho, e viva. Convertei-vos, convertei-vos dos vossos maus caminhos; pois, por que razão morrereis, ó casa de Israel?" 
(Ezequiel 33.11)

Estou pensando no desejo que existe em todos nós, de procurar atalhos na vida. É este modo de agir que nos leva a avançar sinal vermelho; ultrapassar em faixa contínua; a adotar conceitos contraditórios... Enfim, a optar por viver um tipo de vida sempre em rota de colisão - com alguém ou alguma coisa. É esta tendência que - entre um caminho reto e um labirinto escuro - nos leva a optar por adentrar este último. Quando optamos por viver assim, o risco é enorme e as vantagens não compensam.

"Há um caminho que ao homem parece direito, mas o fim dele são os caminhos da morte.
 (Provérbios 14.12)

A Palavra de Deus, em diversos textos, nos fala sobre duas alternativas; as quais exigem uma decisão da nossa parte: Caminho estreito e caminho largo; porta estreita e porta larga; Jesus e Satã; enfim... Vida e morte. E quando analisamos cuidadosamente os textos - despidos de qualquer preconceito religioso ou intelectual adotado ao longo da vida - percebemos que a responsabilidade da escolha é sempre nossa. E não como ficar neutro diante das opções; pois, para o bem ou para o mal, a decisão é nossa.

"E a este povo dirás: Assim diz o SENHOR: Eis que ponho diante de vós o caminho da vida e o caminho da morte."
 (Jeremias 21.8)

E quanto a este assunto, a minha conclusão é que o único modo de escapar a esta 'armadilha do desejo', é nos enchermos do Espírito Santo. Ao longo do tempo, tenho aprendido que não existe alternativa válida à ausência do Espírito em nosso coração. Ele é o único que pode nos guiar em toda a verdade. É também a única pessoa que nos ensina a orar como convém. E não há como romper com o pecado sem sermos convencidos pelo Espírito Santo de Deus; pois, estas são suas ações fundamentais.

"E não vos embriagueis com vinho, em que há contenda, mas enchei-vos do Espírito;"
(Efésios 5.18)

Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário