segunda-feira, 24 de agosto de 2015

Grupos de relacionamento


Por mais que nos doam as despedidas; é sempre um prazer renovado retornar à casa. Aconteceu comigo hoje (misto de despedida e reencontro), ao deixar a IMW Central de Uberaba e viajar para casa; após ausência de alguns dias. Os dias em Uberaba foram de grande edificação. As igrejas do Distrito vivem um bom momento, em todos os sentidos. Enquanto penso em tudo isso... Fico a pensar naquelas pessoas que não conseguem desfrutar o prazer do convívio em família, do cultivo de boas amizades, enfim... Do tempo gasto conversando com amigos e irmãos que Deus pôs em seu caminho. Segundo tenho visto, cresce o número de pessoas que se isolam de tudo e de todos.
 
Ao examinarmos as Escrituras sagradas, percebemos que o ser humano foi criado para constituir família e a ela se dedicar; e para formar grupos de relacionamento, estabelecendo alianças com aqueles que comungam com seus sentimentos e ideais; para com eles compartilhar seus sonhos, visões e projetos. No entanto, o mais importante relacionamento a ser estabelecido é entre a criatura e o Criador; pois, todos nós fomos criados para a glória de Deus. Portanto, deste relacionamento preferencial depende o nosso "hoje" e o nosso "amanhã". Então, se quisermos ter um presente compensador e um futuro promissor; isto só será possível se priorizarmos Deus em nosso viver.
 
Existem textos bíblicos que, assim que os lemos, deixam em nós a impressão de que parecem ter tudo a ver conosco. Sempre me voltei para este salmo com um carinho especial: "Oh! quão bom e quão suave é que os irmãos vivam em união. É como o óleo precioso sobre a cabeça, que desce sobre a barba, a barba de Arão, e que desce à orla das suas vestes. Como o orvalho de Hermom, e como o que desce sobre os montes de Sião, porque ali o Senhor ordena a bênção e a vida para sempre." (Salmos 133:1-3). Sempre que o leio e nele medito, me sinto ao mesmo tempo exortado e confortado; pois, vejo nele a expressão do propósito de Deus para a vida e convivência dos fiéis.
 
Enquanto eu medito neste texto bíblico; me deleito com este belo cântico entoado pelo Ministério Koinonya de Louvor:
 
Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário