terça-feira, 14 de abril de 2015

Quando Deus age em nós


No sábado, chegamos em Belo Horizonte, um pouco antes de sairmos para o culto inaugural da congregação no Bom Retiro, bairro de Betim (região metropolitana de BH). Antes do culto, fomos até a casa do Pastor Gilson para lanchar com sua família. Durante o trabalho, o salão - maior que muitos templos - estava repleto de irmãos das IMW das proximidades. Ao pregar, pude sentir poderosa unção me renovando por dentro e por fora, de um modo que beira o sobrenatural de Deus. E mais uma vez, pude ver que não existe um condicionamento físico ou espiritual capaz de resultar naquilo que ocorre quando Deus age em nós e por meio de nós. Jamais negarei o valor de um bom preparo intelectual e psicológico, na vida de um servo de Deus. No entanto, a unção liberada pelo Espírito, na vida de alguém que serve a Deus - embora não dispense os dons e recursos naturais - se sobrepõe à todo e qualquer outro recurso ou preparo humano. Daí, a importância de frequentarmos o lugar de oração.
 
Então, louvei a Deus por aquilo que acontece, resultante do tempo passado no lugar de oração! E percebi que, antes de pedirmos a Deus para fazermos algo divino; devemos lhe pedir que faça algo divino em nós. E, ao invés de pedirmos que Deus nos conduza no caminho; devemos lhe pedir que nos indique o caminho a ser seguido... Enfim, antes de pedirmos que nos ajude a chegar a um certo ponto; devemos lhe pedir que nos guarde dentro dos limites de segurança que definiu para cada um de nós. Moisés, ao ouvir de Deus, que um anjo seguiria com ele; ousou dizer: "Então lhe disse: Se tu mesmo não fores conosco, não nos faças subir daqui." (êxodo 33.15). Ao que o próprio Deus lhe respondeu: "Então disse o Senhor a Moisés: Farei também isto, que tens dito; porquanto achaste graça aos meus olhos, e te conheço por nome." (verso 17). Existem situações na vida, em que precisamos, primeiramente, saber se Deus estará conosco em algo a ser feito; antes de arregaçar as mangas e por mãos à obra.
 
Ao lermos este texto, vemos que foi um momento crítico este que Moisés viveu: "Disse mais o SENHOR a Moisés: Vai, sobe daqui, tu e o povo que fizeste subir da terra do Egito, à terra que jurei a Abraão, a Isaque, e a Jacó, dizendo: À tua descendência a darei. E enviarei um anjo adiante de ti, e lançarei fora os cananeus, e os amorreus, e os heteus, e os perizeus, e os heveus, e os jebuseus, A uma terra que mana leite e mel; porque eu não subirei no meio de ti, porquanto és povo de dura cerviz, para que te não consuma eu no caminho. E, ouvindo o povo esta má notícia, pranteou-se e ninguém pôs sobre si os seus atavios. Porquanto o Senhor tinha dito a Moisés: Dize aos filhos de Israel: És povo de dura cerviz; se por um momento subir no meio de ti, te consumirei; porém agora tira os teus atavios, para que eu saiba o que te hei de fazer. Então os filhos de Israel se despojaram dos seus atavios, ao pé do monte Horebe." (Êxodo 33:1-6). Pois ele sabia que Deus estava na iminência de punir o Seu povo.
 
Mas o grande intercessor arrazoou com Deus: "E Moisés disse ao Senhor: Eis que tu me dizes: Faze subir a este povo, porém não me fazes saber a quem hás de enviar comigo; e tu disseste: Conheço-te por teu nome, também achaste graça aos meus olhos. Agora, pois, se tenho achado graça aos teus olhos, rogo-te que me faças saber o teu caminho, e conhecer-te-ei, para que ache graça aos teus olhos; e considera que esta nação é o teu povo. Disse pois: Irá a minha presença contigo para te fazer descansar. Então lhe disse: Se tu mesmo não fores conosco, não nos faças subir daqui. Como, pois, se saberá agora que tenho achado graça aos teus olhos, eu e o teu povo? Acaso não é por andares tu conosco, de modo a sermos separados, eu e o teu povo, de todos os povos que há sobre a face da terra? Então disse o Senhor a Moisés: Farei também isto, que tens dito; porquanto achaste graça aos meus olhos, e te conheço por nome." (Êxodo 33:12-17). E Deus ouviu o clamor de um homem em favor de um povo.
 
Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário