sexta-feira, 29 de dezembro de 2017

Orando e meditando

A imagem pode conter: 1 pessoa, texto

Graças a Deus, eu vejo na oração na meditação na Palavra de Deus, a única alternativa válida para se viver uma autêntica vida cristã. Digo isto, porque não consigo ver uma genuína vida cristã fora destes parâmetros.E não é de hoje, tenho vivido em meio a um cristianismo de mera aparência; Creio que isto se deve, ou à  falta de oração, ou à falta de reflexão, ou à ausência de ambas, na vida de um crente. Portanto, este deveria ser nosso maior desafio para o ano que vai nascer.

Nesta madrugada, enquanto eu orava, fui tomado por um pranto que não consegui conter... E muitas são as razões (algumas conhecidas, outras desconhecidas). Todavia, estas sensações e manifestações só podem nascer e fluir em um coração quebrantado e contrito. Portanto, se eu pretendo ser sensível à voz de Deus; preciso sobre a base de uma vida devocional plena, que inclua tempo suficiente no lugar de oração, conjugado com um bom tempo com a Palavra de Deus.

Atenção, povo de Deus: "Estai, pois, firmes, tendo cingidos os vossos lombos com a verdade, e vestida a couraça da justiça; E calçados os pés na preparação do evangelho da paz; Tomando sobretudo o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do maligno. Tomai também o capacete da salvação, e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus; Orando em todo o tempo com toda a oração e súplica no Espírito" (Efésios 6:14-18). Devemos pensar nisso!

A Palavra de Deus mantém a base, a oração mantém a sensibilidade:
https://youtu.be/GdS7tkVT5xU

Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário