quinta-feira, 17 de abril de 2014

Arco da aliança


Hoje, logo após orar; cantarolei baixinho uma antiga canção, esquecida por muitos crentes nas brumas do tempo: "Vindo sombras escuras no caminho teu; ó, não te desanimes; cante um hino a Deus. Cada nuvem escura um arco-íris traz, quando em teu coração reinar perfeita paz... Se teu coração estiver em paz, bem contente, alegre sempre te acharás; se teu coração estiver em paz, tu verás que um arco-íris cada nuvem traz!". Naquele instante, fui levado a pensar nas inúmeras vezes que, ao longo de minha vida, o arco-íris se impôs logo após nuvens escuras no horizonte. Então, me lembrei de que em ocasiões assim, em minha vida; as nuvens sombrias foram, por mim, olhadas sem medo, devido confiança no cuidado do Senhor; e o arco-íris sempre saudado com alegria e gratidão ao Deus eterno.
 
Portanto, em meio às tempestades da vida, não podemos perder o ânimo; nem enfraquecer na fé! A perseverança do crente é de grande importância; especialmente, nas horas amargas que de quando em vez nos assaltam. Precisamos entender que a vida é constituída de trabalho e descanso, guerra e paz; intercalando lágrimas e sorrisos... Enquanto prosseguimos em nossa jornada rumo à eternidade. Então, cada crente precisa ter esperança de que - após uma noite escura e ameaçadora - o dia seguinte trará consigo um arco-íris que nem sempre notamos devido ao medo. No entanto, ele está lá no alto - ligando terra e céu - com suas belas cores, a nos dizer que a vida continua; e, que, por mais que as sombras escuras queiram nos intimidar; o Sol da justiça brilhará sobre nós!
 
O Deus de amor e de justiça; é também de alianças e de promessas: "E disse Deus: Este é o sinal da aliança que ponho entre mim e vós, e entre toda a alma vivente, que está convosco, por gerações eternas. O meu arco tenho posto nas nuvens; este será por sinal da aliança entre mim e a terra. E acontecerá que, quando eu trouxer nuvens sobre a terra, aparecerá o arco nas nuvens. Então me lembrarei da minha aliança, que está entre mim e vós, e entre toda a alma vivente de toda a carne; e as águas não se tornarão mais em dilúvio para destruir toda a carne. E estará o arco nas nuvens, e eu o verei, para me lembrar da aliança eterna entre Deus e toda a alma vivente de toda a carne, que está sobre a terra." (Gênesis 9.12-16)). Como é bom servir ao Deus que se revelou em Jesus Cristo!
 
Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário