segunda-feira, 21 de junho de 2010

O Chamado de Deus

Ao longo da história do povo de Deus, vemos Deus chamando homens e mulheres para a Sua obra. E a Bíblia está repleta de exemplos de pessoas que foram chamadas por Deus, para uma determinada missão. E, dependendo do tipo de missão, o chamado pode ser temporário ou permanente. Em qualquer dos casos, o chamado de Deus é uma gloriosa oportunidade para qualquer cristão que tenha o desejo de servir a Deus.

Outra verdade sobre o assunto, é que existem tipos diferenciados de chamado que Deus faz, para pessoas a quem Ele pretende usar em Sua obra: Existem aqueles que são chamados desde o ventre (Jeremias 1.5); e também os que são chamados em um determinado momento ao longo da vida (Amós 7.14-15). Existem os que são chamados para um ministério de curta duração; e aqueles que são chamados para um ministério especial e definitivo (Romanos 1.1).

No tocante aos ministérios, existem verdades que precisamos conhecer:

1) Precisamos saber que, na obra de Deus, existe diversidade de ministérios (I Corintios 12.5). Esta diversidade visa atender as várias áreas de serviço e necessidade da Igreja do Senhor (I Corintios 12.28). Eles se constituem em ferramentas para o trabalho que a Igreja realiza onde está plantada, adequados ao contexto local.

2) Precisamos saber que, com referencia aos agentes, os ministérios envolvem missões a serem cumpridas por aqueles a quem o Senhor chama para a Sua obra (Atos 16.9-10). Existe um jargão muito utilizado entre os crentes: "Deus capacita os chamados". E os ministérios são concedidos, visando o envio de obreiros para o cumprimento de uma missão.

3) Precisamos saber que os ministérios visam dois objetivos principais: Proclamar a magestade e o propósito de Deus, para o Seu louvor e glória; conduzir a Igreja na santidade bíblica, mediante edificação, exortação e consolação; chamar os homens a uma verdadeira reconciliação com Deus, através de Jesus - o único caminho para a vida eterna (I Corintios 14.3; 12).

4) Precisamos saber que os ministérios se equipam em dois níveis específicos: No nível natural, quando são utilizadas habilidades e talentos existentes na vida daqueles que o Senhor chamou (exemplos: ministério de louvor e adoração, interage com talentos adequados à música; ministério de mestre, interage com vocacionados para o ensino; etc.). No nível sobrenatural, quando o Espírito Santo concede dons espírituais a pessoas especiais, para o desempenho de missões impossíveis aos homens comuns (exemplos: milagres que se manifestam através de cura divina; de libertação, de maravilhas, etc.).

Na verdade, este é um assunto muito importante para a liderança cristã. Ele precisa ser analizado com detalhes. Procuraremos fazer isso em uma outra ocasião.

Em Tempo (este blog também divulga):

Aproveito este blog, para anunciar o Grande Encontro Distrital promovido pela juventude wesleyana muriaeense: Será no sábado, dia 26, as 19.oo, na IMW da Barra, em frente ao DECA. Participação especial do Diretor Regional de Jovens da I Região - Gustavo Costa, que será o pregador; a Banda Rhema estará abrilhantando este evento, juntamente com o Presbítero Leley, de Mantiquira, lançando o seu novo CD. Parabens aos jovens do Distrito de Muriaé, por esta iniciativa!


Cordialmente;

Bispo Calegari




Nenhum comentário:

Postar um comentário