sexta-feira, 26 de março de 2010

Tão perto da bênção - tão longe de Deus (parte I)


"Achava-se ali um homem que havia trinta e oito anos estava enfermo" (João 5.5)


É muito interessante o quadro. O texto revela a presença de uma multidão em volta do poço, esperando o momento de ser abençoada. Muita espectativa, face à provavel chegada de um anjo que tocava a água do poço. E aí, a temporada do milagre estava aberta! E o primeiro a mergulhar levaria o prêmio - um dentre tantos carentes, levando consigo a sua cura.
Não havia a menor dúvida quanto ao fato de que um anjo realmente descia ali (o próprio texto afirma isso - uma presença sobrenatural, porem invisivel aos olhos humanos). O sinal era o movimento das águas - o passaporte para a correria generalizada.
Ocorre que, pelo fato do anjo não ser visto, qualquer movimento nas águas provocava a "corrida do milagre", mesmo que tivesse sido apenas o barulho de uma pedrinha na água. E tenho em mim uma sensação de que, muitas vezes, este equívoco produzido pela "pedrinha na água" levava uma multidão a mergulahr no famoso poço. E como a benção da cura era garantida apenas ao primeiro que mergulhasse; em ocasiões assim, a frustração não era de 99,999% e sim de 100% dos equivocados.
E estava ali um homem... tão perto da bênção; tão longe de Deus.
Não tenho condições de continuar com a reflexão. Pretendo continuar amanhã, se Deus me permitir.


Cordialmente;
Bispo Calegari

(Ah, a Radio "A Palavra" estará no "ar" ainda hoje, pela graça de Deus)

Um comentário:

  1. é muito Honroso entrar neste Blog!
    qando se trata de um Profeta como este!
    mesmo sabendo que ele não lembrará que morei ums tempinhos atraz de sua igreja em cabo frio.
    esse Pastor é um referencial pra mim, nesta minha carreira de Pastor.
    lembro me perfeitamente,quando eu acordava nas madrugadas com os gemidos e choros por cada alma de sua igreja!
    quando eu crescer, quero ser como esse Honroso PASTOR.
    Pr. Rico!
    Igreja Ministério Lugar de Glória.
    RJ.

    ResponderExcluir