quinta-feira, 7 de junho de 2012

Dias preocupantes


"3 Mas a prostituição, e toda a impureza ou avareza, nem ainda se nomeie entre vós, como convém a santos; 4 Nem torpezas, nem parvoíces, nem chocarrices, que não convêm; mas antes, ações de graças. 5 Porque bem sabeis isto: que nenhum devasso, ou impuro, ou avarento, o qual é idólatra, tem herança no reino de Cristo e de Deus. 6 Ninguém vos engane com palavras vãs; porque por estas coisas vem a ira de Deus sobre os filhos da desobediência. 7 Portanto, não sejais seus companheiros. 8 Porque noutro tempo éreis trevas, mas agora sois luz no SENHOR; andai como filhos da luz 9 (Porque o fruto do Espírito está em toda a bondade, e justiça e verdade); 10 Aprovando o que é agradável ao Senhor. 11 E não comuniqueis com as obras infrutuosas das trevas, mas antes condenai-as. 12 Porque o que eles fazem em oculto até dizê-lo é torpe. 13 Mas todas estas coisas se manifestam, sendo condenadas pela luz, porque a luz tudo manifesta. 14 Por isso diz: Desperta, tu que dormes, e levanta-te dentre os mortos, e Cristo te esclarecerá. 15 Portanto, vede prudentemente como andais, não como néscios, mas como sábios, 16 Remindo o tempo; porquanto os dias são maus. 17 Por isso não sejais insensatos, mas entendei qual seja a vontade do Senhor."
(Efésios 5.3-17)

Vivemos dias preocupantes neste tempo; e, creio que ninguém desconhece isso. Algumas profecias sombrias que encontramos nas Escrituras - referentes aos últimos dias - estão em tão perfeita sintonia com coisas que estão acontecendo nestes dias; que soam como se tivessem sido escritas no gabinete de algum profeta de hoje, antenado com as realidades atuais. E não há como evitar pensar no fim!

Quanto a mim, tenho procurado pensar com persistência nas promessas de Deus para este tempo, em meio aos dias tão confusos e ameaçadores; especialmente para aqueles que querem viver e criar seus filhos nos ensinos do Senhor Jesus. Ao longo dos meus quarenta e oito anos de vida cristã autêntica, venho percebendo o crescimento de forças contrárias à Palavra de Deus - ativas e articuladas - infiltradas em governos, entidades e até em igrejas; tentando varrer da face da terra a doutrina da Palavra de Deus.

Tenho notado que - em aparente cumplicidade com os que se aliam contra o evangelho de Cristo - algumas vozes que se auto-proclamam "evangélicas", defendem bandeiras afins com pretensões anti-cristãs. Todavia, se os que assim agem pensam que escaparão impunes, estão cruelmente enganados. Eles parecem ignorar que a "caverna de Dario" e a "fornalha de Nabucodonosor" podem ser reeditadas pelos inimigos de Deus (Livro de Daniel). E nelas, em meio às chamas e ao rugido das feras, se saberá quem-é-quem; pois... Deus não se deixa enganar - nem por piedade aparente, nem por disfarce cristão!

A Palavra de Deus nos exorta, com veemência, a pensar "nas coisas que são de cima, e não nas que são da terra" (Colossenses 3.2). Portanto, dentre as "coisas de cima", procuro vislumbrar as promessas do Deus vivo, em face destes dias maus. E assim faço, por estar convencido de que suas promessas nos dão esperança e conforto - enquanto combatemos o bom combate da fé - de que dias melhores virão.

Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário