segunda-feira, 22 de maio de 2017

Porque a vida passa

A imagem pode conter: 3 pessoas, texto

Precisei levantar mais cedo para orar, em madrugada fria com que Petrópolis nos brinda. O motivo, foi orar em favor de minha querida esposa e meus queridos filhos, que fizeram anos (Pr. Calegari, nesta quinta, dia 18; Maria Célia e Elizeu hoje, dia 21; Ezequiel, 25 de abril; Daniela, 19 de janeiro). O tempo passa tão depressa que nem notamos (meus filhos já estão na casa dos 40 anos). A Bíblia alerta que: "toda a carne é como a erva,e toda a glória do homem como a flor da erva.Secou-se a erva, e caiu a sua flor" (1 Pedro 1:24). Não esqueçamos de buscar a Jesus enquanto ainda temos tempo... Porque a vida passa.

Vejo as pessoas perderem seu tempo com o que não é de proveito algum, gastando os seus dias sem nenhuma noção do quanto irão se arrepender, por não terem aproveitado melhor os dias passados. Mas, infelizmente, não adianta muito falar sobre isto; pois - diferente daqueles que aprendem com os erros dos outros; existem muitos, que só conseguem aprender com os seus próprios erros (na maioria das vezes, sem chance de reparar o mal feito ou de recuperar o tempo perdido). A minha esperança é que os que desperdiçam seu tempo; ainda tenham tempo de por a vida em ordem, aceitando Jesus como Senhor.

Ainda lembro como este texto bíblico me falou, na primeira vez que o li: "E, depois que João foi entregue à prisão, veio Jesus para a Galileia, pregando o evangelho do reino de Deus, E dizendo: O tempo está cumprido, e o reino de Deus está próximo. Arrependei-vos, e crede no evangelho. E, andando junto do mar da Galileia, viu Simão, e André, seu irmão, que lançavam a rede ao mar, pois eram pescadores. E Jesus lhes disse: Vinde após mim, e eu farei que sejais pescadores de homens. E, deixando logo as suas redes, o seguiram." (Marcos 1:14-18). Nele, Jesus dá destaque ao arrependimento e fé no evangelho! 

Precisamos agradecer a Deus por belas canções, como esta:
https://youtu.be/Pjcrp4g0GvU

Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário