quinta-feira, 16 de janeiro de 2014

Mesmo quando em férias


Maria Célia Calegari & eu, temos tirado alguns dias para descansar (não sei se posso chamar de descanso, se me sinto tão exausto ao fim de um dia inteiro de ocupações diversas). As vezes me parece, que, férias nada mais é do que um tempo para a gente se cansar enquanto descansa. Enquanto escrevo, penso naqueles textos que falam sobre cansaço e enfado. Então, chego a conclusão que a mudança de foco proporcionada pelas férias, acaba sendo importante para descansarmos daquela rotina que a jornada de trabalho nos impõe ao longo de um ano inteiro. Todavia, existem pessoas e preocupações, das quais não conseguimos nos afastar - mesmo estando distante delas - e que acabam encontrando um lugarzinho em nossa mente, mesmo durante as tão sonhadas e planejadas férias. Mas... Fazer o que? Na verdade, as vezes costumo pensar que a vida é assim para todos... E, que, aquilo que sinto é a mesma coisas que todas as pessoas também sentem.
 
No entanto, existem atividades e responsabilidades que não podemos deixar de considerar; mesmo em dias de férias: Alimentação saudável, água em abundância, alguns exercícios físicos e cuidados com a higiene pessoal - inclusive com a saúde - são algumas delas. Devemos também procurar rever algumas práticas rotineiras sem proveito algum, que podem nos fazer mais mal do que bem; pois as férias nos deixam numa boa condição para avaliar - sem pressão ou preconceito - modos de agir e de pensar que, aos poucos, foram se tornando parte integrante do nosso modo de ser. Então, a partir desta avaliação, cabe a nós buscar meios de mudar para melhor o nosso modo de proceder e de se relacionar, sempre que percebermos que os mesmos nos mantém presos a uma vida imersa em conflitos e desgastes. Contudo, devemos procurar manter em dia a nossa vida com Deus; para não retornarmos das férias, menos espirituais do que éramos antes de iniciá-las.
 
Seja qual for o lugar em que estejamos, ou ocupação nossa; este deve ser o nosso pensamento:
 
"Não andeis, pois, inquietos, dizendo: Que comeremos, ou que beberemos, ou com que nos vestiremos? (Porque todas estas coisas os gentios procuram). De certo vosso Pai celestial bem sabe que necessitais de todas estas coisas; Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas. Não vos inquieteis, pois, pelo dia de amanhã, porque o dia de amanhã cuidará de si mesmo. Basta a cada dia o seu mal."
(Mateus 6.31-34).
 
Tendo a Palavra de Deus como fundamento, podemos realmente descansar no Senhor!
 
Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário