terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Somos um jardim

A imagem pode conter: texto e natureza

Ao me prostrar no lugar de oração levei comigo a mesma canção que soa em minha mente, desde ontem; a qual diz que "somos um jardim diante do Senhor..." Este sentimento influenciou a oração que fiz; pois me deixei transportar ao quintal da casa que o Senhor me deu; onde os colibris se intercalam - com sua variedade de tamanho e cor - em sua procura pelo néctar das diversas flores que enfeitam nosso quintal. Então, em minha imaginação, me deixei transportar para mais longe... Até me ver como um jardim de Deus, cuja beleza não está em mim mesmo; mas... No perfume e no colorido das diversas flores ali plantadas pelo Criador, e nas sementes e frutos delas projetados.

Em minha imaginação; de imediato me dei conta que, assim como em um jardim, encontramos flores e ervas daninhas; assim também, no jardim que somos nós, o inimigo procura semear ervas nocivas... Para anularem os agradáveis efeitos da sementeira de Deus. Então, cabe a nós - jardim de Deus - a responsabilidade de preservar a beleza do plantio divino, regando e fertilizando o solo do coração; e livrando-o das plantas indesejáveis que, porventura, tenham sido nele plantadas. Enfim... Veio ao meu espírito as seguintes palavras de Jesus: "Toda a planta, que meu Pai celestial não plantou, será arrancada." (Mateus 15:13). Glória a Deus! Que manhã proveitosa foi esta!

Vemos aqui, alguns males do coração: "E Pedro, tomando a palavra, disse-lhe: Explica-nos essa parábola. Jesus, porém, disse: Até vós mesmos estais ainda sem entender? Ainda não compreendeis que tudo o que entra pela boca desce para o ventre, e é lançado fora? Mas, o que sai da boca, procede do coração, e isso contamina o homem. Porque do coração procedem os maus pensamentos, mortes, adultérios, fornicação, furtos, falsos testemunhos e blasfêmias. São estas coisas que contaminam o homem; mas comer sem lavar as mãos, isso não contamina o homem." (Mateus 15:15-20). Cabe à nós cristãos, guardar a Palavra e preservar nosso coração das sementes ruins, que são lançadas.

Esta canção expressa muito bem tudo aquilo que hoje senti:
https://youtu.be/-eq045iakyY

Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário