segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Devemos seguir em frente

A imagem pode conter: 1 pessoa, texto

Sábado de manhã, deixei minha querida esposa Maria Célia na rodoviária; de onde seguiu rumo a IMW de Angra dos Reis, onde ministrou neste fim de semana. Quanto a mim; fiquei a pensar na assertiva - de que todo crente empenhado em servir ao Senhor, nos termos do seu chamado segundo o propósito de Deus; vive sempre em movimento (indo aqui, indo ali); firme na disposição de cumprir o "ide" de Jesus. Daí, a necessidade de entendermos e praticarmos o divino imperativo de amar, servir, pregar, socorrer (esta lista parece não ter fim). Pois... Buscar o reino de Deus e sua justiça é nossa primeira prioridade. 

Em minha reflexão; pensei em duas importantes exortações bíblicas: Uma delas, sobre a nossa obrigação maior de seguir, "olhando para Jesus, autor e consumador da fé, o qual, pelo gozo que lhe estava proposto, suportou a cruz, desprezando a afronta, e assentou-se à destra do trono de Deus." (Hebreus 12.2). A outra, nos exorta do seguinte modo: "Pensai nas coisas que são de cima, e não nas que são da terra" (Colossenses 3:2). Então; ao invés de buscar riqueza e prazer nesta vida (como certos mestres oportunistas ensinam); devemos é seguir em frente - olhando para Jesus e pensando na glória do céu.

Este texto mostra o real objetivo de uma vida que anda de fé em fé: "Não andeis, pois, inquietos, dizendo: Que comeremos, ou que beberemos, ou com que nos vestiremos? Porque todas estas coisas os gentios procuram. Decerto vosso Pai celestial bem sabe que necessitais de todas estas coisas; Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas. Não vos inquieteis, pois, pelo dia de amanhã, porque o dia de amanhã cuidará de si mesmo. Basta a cada dia o seu mal." (Mateus 6:31-34). Portanto, Mesmo em lutas e provas; se o Reino é o Alvo, esta deve ser nossa atitude.

Esta canção entoada por Mara Dalila, corrobora o que eu disse:
https://youtu.be/QKvfqPHw7lg

Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário