sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

Cristãos à moda antiga

A imagem pode conter: texto, atividades ao ar livre e natureza

Hoje, estando em meu lugar de oração, pedi duas coisas ao meu Senhor: a primeira - que me guarde das contradições da razão, pois interferem na mente de Cristo que trago comigo (1 Coríntios 2.16). A segunda - que me ajude em meu esforço, para me manter ligado às antigas promessas de Sua Palavra, que me dão base e sustento; e às antigas histórias de Seu povo, que me dão sentido e motivação (Hebreus 11.13). É lógico que intercedi - pelos que me são caros e pelos que me lembrei! Todavia... Estas duas coisas que pedi a Deus repercutiram em meu espírito e senti que Deus me ouviu e me atendeu.

Na verdade; todos nós, cristãos à moda antiga, sofremos as dores e provações deste tempo - em um mundo que não é nosso - sentindo  as angústias e aflições próprias dos dias que vivemos. Sei que para esta geração, estão reservadas dores que não serão sentidas por aqueles que serão levados da terra... Portanto, vale a pena crer e perseverar no Caminho de Deus; pois o desfecho divino reservado aos que confessam o Seu nome, irá se manifestar apenas àqueles que perseverarem até o fim (Mateus 24.13). Sei que, para muitos, passo a ideia de ser pessimista; mas, sou otimista; sem deixar de ser realista.

Neste mundo, somos provados: "Disseram-lhe os seus discípulos: Eis que agora falas abertamente, e não dizes parábola alguma. Agora conhecemos que sabes tudo, e não precisas de que alguém te interrogue. Por isso cremos que saíste de Deus. Respondeu-lhes Jesus: Credes agora? Eis que chega a hora, e já se aproxima, em que vós sereis dispersos cada um para sua parte, e me deixareis só; mas não estou só, porque o Pai está comigo. Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo." (João 16:29-33). Mas, por Deus, somos Motivados.

Esta é uma antiga canção... Excelente para ser cantada neste tempo:
https://youtu.be/1X2jtQjACeA

Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário