sexta-feira, 14 de outubro de 2016

Corredor de paralimpíada


Anos atrás, após orar; postei esta reflexão que fluiu do meu interior; em um daqueles momentos que, pela graça de Deus, o espírito de oração prevalece em nós; e consegue nos levar a derramar perante o Deus eterno a nossa súplica. Em meio à atmosfera criada pela oração, me veio à mente a figura do corredor de paralimpíada, desprovido de visão (aquele que, para correr, precisa estar amarrado por um pequeno laço a um auxiliar que corre ao seu lado). Pois é; este atleta, "vendo" com os olhos do outro, consegue chegar à meta. Como me fez bem pensar nesta impressionante figura!

Ainda prostrado em oração; aproveitei o ensejo dessa imagem para pedir a Deus que me mantivesse amarrado ao Espírito Santo; para que, nesta minha caminhada, apenas os Seus olhos me guiassem. Na verdade, eu não vejo como conseguir chegar à meta proposta pela Palavra de Deus, se apenas depender do ver dos meus próprios olhos. Portanto, tomado por profunda convicção de que somente ligado ao Espírito Santo eu poderei chegar ao fim da jornada; me declarei pronto a percorrer o caminho eterno, olhando a vida através dos olhos do Espírito Santo de Deus.

Este texto precisa ser melhor entendido: "Porque, qual dos homens sabe as coisas do homem, senão o espírito do homem, que nele está? Assim também ninguém sabe as coisas de Deus, senão o Espírito de Deus. Mas nós não recebemos o espírito do mundo, mas o Espírito que provém de Deus, para que pudéssemos conhecer o que nos é dado gratuitamente por Deus. As quais também falamos, não com palavras que a sabedoria humana ensina, mas com as que o Espírito Santo ensina, comparando as coisas espirituais com as espirituais." (1 Coríntios 2:11-15). Aleluia!

Esta canção ajuda a entender a necessidade de andar no Espírito:
https://youtu.be/5Fbs-cvWN6M

Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário