terça-feira, 20 de setembro de 2016

Assim devemos viver


Já faz algum tempo; percebo que o tempo está se abreviando, como se estivesse se afunilando, os dias se encurtando; enfim... Não é tão fácil lidar com este tempo; portanto, precisamos estar preparados para as grandes transformações que estão ocorrendo - em todos os níveis da existência - sem que possamos fazer algo para evitar estas mudanças. Porém, precisamos saber como lidar com elas; tomando como exemplo, os lírios que vivem nos charcos e que não se deixam afetar pelas impurezas dos mesmos; mantendo a brancura de suas flores e a leveza de seu perfume. Assim devemos viver neste mundo.

Na verdade, não é tão fácil viver neste mundo, sem nos deixarmos influenciar por suas práticas e conceitos. E esta é a razão pela qual, muitos crentes - até sinceros - vivem e reagem como os camaleões; ou seja: Mudam de cor e de forma, em conformidade com o ambiente que os rodeia. Quando estão em ambiente cristão, parecem ser dedicados crentes; quando estão em ambiente profano, mudam sua forma com a maior facilidade. E os que assim vivem dizem amar a verdade, mas vivem afundados no engano; vivem a alardear o erro de seu irmão, mas estão sempre a defender seus próprios erros.

Infelizmente, existem tantos cristãos na contra-mão desta exortação de Jesus: "Então falou Jesus à multidão, e aos seus discípulos, Dizendo: Na cadeira de Moisés estão assentados os escribas e fariseus. Todas as coisas, pois, que vos disserem que observeis, observai-as e fazei-as; mas não procedais em conformidade com as suas obras, porque dizem e não fazem; Pois atam fardos pesados e difíceis de suportar, e os põem aos ombros dos homens; eles, porém, nem com seu dedo querem movê-los;" (Mateus 23:1-4). É importante saber; com o juízo com que julgarmos, seremos também julgados.

É sempre edificante ouvir esta canção de Anderson Freire:
https://youtu.be/Y8QWKwo5Vw8

Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário