segunda-feira, 11 de julho de 2016

Vamos seguindo juntos


Hoje despertei aspirando o ar frio, porém agradável; de uma manhã muito especial para minha vida. É que em um dia como este (porém não tão frio), a quarenta e seis anos atrás, Maria Célia e eu comparecemos perante nosso Deus, prontos a nos unirmos em santo matrimônio. E assim, ali no templo da Primeira IMW de Nilópolis, se consumava um sonho de amor e se iniciava uma venturosa história de uma família abençoada. E eu me lembro de cada detalhe daquele dia tão especial! Pois, nele, vi promessas de Deus se cumprirem. Glória a Deus!

Quarenta e seis anos de vida em comum, seguindo na luz de antigas promessas, deixando um rastro luminoso de obrigações cumpridas e de honrosas realizações concluídas. Jamais ousarei dizer que somos um casal perfeito (nem mesmo chegamos perto disso). Todavia, posso gritar perante os anjos e os homens: que somos um casal unido por Deus e ungido pelo Espírito! Um casal com uma história de vida que tem começo, meio e fim; que há de durar até que a morte nos separe. E assim, vamos seguindo juntos, ao abrigo de promessas que jamais falharão.

Este texto é suficientemente claro: "Então chegaram ao pé dele os fariseus, tentando-o, e dizendo-lhe: É lícito ao homem repudiar sua mulher por qualquer motivo? Ele, porém, respondendo, disse-lhes: Não tendes lido que aquele que os fez no princípio macho e fêmea os fez, E disse: Portanto, deixará o homem pai e mãe, e se unirá a sua mulher, e serão dois numa só carne? Assim não são mais dois, mas uma só carne. Portanto, o que Deus ajuntou não o separe o homem." (Mateus 19:3-6). Ele nutre minha convicção, de que o casamento é para a vida inteira.

Esta canção do Logos traduz muito bem o nosso sentimento:
https://youtu.be/g3CkSNiD4FM

Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário