domingo, 12 de junho de 2016

Dois importantes benefícios


Estive a pensar em dois importantes benefícios, que um crente que se dedica à oração percebe e desfruta, mesmo não os entendendo perfeitamente: Um deles é o fato de podermos nos ocupar com a obra de Deus, cumprindo a nossa missão, sem percebermos a passagem do tempo (sou testemunha acerca disto). Isto acontece porque, devido ao nosso sentimento de renúncia, Deus nos capacita a deixarmos por algum tempo pessoas que amamos - nos enviando enviando à lugares aos quais as vezes não gostaríamos de ir - sem sermos dominados por depressão e melancolia. E esta capacitação atua como uma espécie de antídoto e imunizante sem a menor contra-indicação.

Outro importante benefício ao crente que ora; é discernimento que o capacita a se manter sempre entre as balizas do amor e da justiça divina. E isto porque, nestes termos, Deus nos guia e preserva dos males reservados aos injustos e aos desprovidos de amor (desamparo e mendicância podem estar entre eles, conforme o salmo 37.25). O amor e a justiça de Deus são dons concedidos aos que se rendem à Jesus; portanto, os que chegam a entender isto, sabem que são balizas de proteção a nos manterem na pleno exercício da justiça e do amor. Daí, a importância da Palavra e do Espírito, presentes em nós; para entendermos seu valor. E isto, só com vida de oração.

Meditemos neste texto: "Mas nós não recebemos o espírito do mundo, mas o Espírito que provém de Deus, para que pudéssemos conhecer o que nos é dado gratuitamente por Deus. As quais também falamos, não com palavras que a sabedoria humana ensina, mas com as que o Espírito Santo ensina, comparando as coisas espirituais com as espirituais. Ora, o homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente. Mas o que é espiritual discerne bem tudo, e ele de ninguém é discernido." (1 Coríntios 2:12-15). É isto que tentei dizer, ao destacar a oração.

Cantemos esta canção com os Vencedores por Cristo:
https://youtu.be/6QTB5Idf4FI

Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário