quarta-feira, 23 de março de 2016

Tempo de orar e pregar


Domingo a noite, preguei na IMW de Duarte da Silveira (Deus tem me levado a pregar sobre relacionamentos saudáveis); e mais uma vez, senti que fui ouvido e ungido pelo Senhor! No culto, o casal líder de missões exibiu um vídeo com imagem dos horrores sofridos pelos cristãos, na Coreia do Norte. Em seguida, iniciou um relógio de oração, em favor do Brasil e dos países onde os crentes são reprimidos por causa de sua fé. Mesmo sem ter me comprometido, levantei as três horas, para orar e participar. Sei que o culto deve ser alegre e dinâmico; todavia... Não sei se é justa e oportuna tanta cantoria e dança nos templos cristãos, em dias em que tantos estão morrendo - uns, sem sua fé; outros, por sua fé.

Em nosso país, os pobres são achincalhados pelos que os roubam, enquanto dizem trabalhar em favor deles. Ah... Se os grandes desta nação pudessem ser ouvidos em suas conversas privadas; ao relatarem, com soberba entrecortada com palavrões, seus mandos e desmandos, magoando ainda mais os cidadãos humildes e indefesos, que eles vivem a enganar! Precisamos orar pelos que, como Sérgio Moro, não sentem medo de cumprir e fazer cumprir a lei; deixando à mostra as entranhas apodrecidas de uma nação que teria tudo pra dar certo, se houvesse probidade e respeito por parte de seus governantes e legisladores. Deus! Que o tempo de orar e pregar se estenda... Até chegar o tempo de dançar.

Esta advertência bíblica tem tudo a ver com este tempo: "Conjuro-te, pois, diante de Deus, e do Senhor Jesus Cristo, que há de julgar os vivos e os mortos, na sua vinda e no seu reino, Que pregues a palavra, instes a tempo e fora de tempo, redarguas, repreendas, exortes, com toda a longanimidade e doutrina. Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências; E desviarão os ouvidos da verdade, voltando às fábulas. Mas tu, sê sóbrio em tudo, sofre as aflições, faze a obra de um evangelista, cumpre o teu ministério." (2 Timóteo 4:1-5). E também tem tudo a ver com os pastores e obreiros de hoje!

Precisamos tentar ouvir as entrelinhas desta canção; e ver aquilo que nela está implícito:
https://youtu.be/kkaKARw3D_M

Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário