segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

Importância da Bíblia


Hoje fui levado a pensar sobre prioridade, palavra simples; mas, de grande significado e de inevitáveis consequências. Logo me veio ao espírito, algo sobre os conceitos, de riqueza e de conquista; e percebi de imediato, que estes dois fatores são por demais influentes nos sonhos, ações e reações da grande maioria das pessoas. Então, mais uma vez, me dei conta da importância da Bíblia no modo de ver e refletir sobre os conceitos, de riqueza e de conquista. E não foi difícil chegar à conclusão, de que são dois os conceitos, em relação a estes valores: O humano e o divino. Um é o conceito humano, que sempre aponta para um tipo de riqueza e de conquista, que se baseia em valores materiais; Outro é o divino, que denuncia a efemeridade dos bens terrenos, que um dia se acabam; e enfatiza a eternidade dos valores espirituais.

Realmente... Enquanto que, na busca por riqueza e conquista segundo a visão humana, o ser humano é capaz de qualquer coisa ou atitude, para obter ganho e vantagem que o coloque acima do seu próximo; mesmo que isto acarrete dor e sofrimento ao seu semelhante. Já na busca por riqueza e conquista segundo visão divina, alguém por ela motivado é capaz se expor a dor e sofrimento; a fim de alcançar valores que o dinheiro não pode obter. Não digo que a riqueza seja algo ruim; ou que a falta dela seja um desastre;  porém, tenho percebido que quando alguém põe nela o seu coração, as consequências podem ser trágicas. Então, penso não saber o que seja pior: Se o rico que põe o seu coração em suas riquezas materiais; ou, se o pobre que as cobiça e persegue a qualquer preço; até o de sua honra e salvação.

Este texto diz tudo que não conseguir dizer: "Ó minha alma, espera somente em Deus, porque dele vem a minha esperança. Só ele é a minha rocha e a minha salvação; é a minha defesa; não serei abalado. Em Deus está a minha salvação e a minha glória; a rocha da minha fortaleza, e o meu refúgio estão em Deus. Confiai nele, ó povo, em todos os tempos; derramai perante ele o vosso coração. Deus é o nosso refúgio. (Selá.) Certamente que os homens de classe baixa são vaidade, e os homens de ordem elevada são mentira; pesados em balanças, eles juntos são mais leves do que a vaidade. Não confieis na opressão, nem vos ensoberbeçais na rapina; se as vossas riquezas aumentam, não ponhais nelas o coração." (Salmos 62:5-10). Como me sinto seguro e confiante, por saber que a minha porção vem do Senhor!

Este é um outro texto no qual devemos refletir: "Não ajunteis tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem tudo consomem, e onde os ladrões minam e roubam; Mas ajuntai tesouros no céu, onde nem a traça nem a ferrugem consomem, e onde os ladrões não minam nem roubam. Porque onde estiver o vosso tesouro, aí estará também o vosso coração. A candeia do corpo são os olhos; de sorte que, se os teus olhos forem bons, todo o teu corpo terá luz; Se, porém, os teus olhos forem maus, o teu corpo será tenebroso. Se, portanto, a luz que em ti há são trevas, quão grandes serão tais trevas! Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de odiar um e amar o outro, ou se dedicará a um e desprezará o outro. Não podeis servir a Deus e a Mamom." (Mateus 6:19-24). Enfim, precisamos considerar aquilo que nos motiva.

Esta é uma das mais belas canções entoadas por Vitorino Silva, fruto do seu trabalho entitulado "Deus e a Natureza":
https://youtu.be/2MR8bBFA1tk

Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário