quarta-feira, 4 de novembro de 2015

Dores e conflitos do crente


O último dia da "Escola de Servos", no Mardunas, antecipou saudades a flor da pele. Aproveitei o restinho de madrugada disponível, para interceder pelos participantes e avaliar os resultados. Todavia, fatos como estes - quando refletidos no espelho da alma - nunca se apresentam sozinhos... Então, fui levado a pensar nas dores e conflitos do crente - não algo físico - porém, os sentimentos de um coração sobrecarregado de emoções e sensações, que não podem ser perfeitamente entendidas ou explicadas. Serão estas as dores da alma, de que tanto se fala? Só Deus o sabe com exatidão. Assim, não tenho muito o que fazer - seja no afã de compreender ou explicar - pois certas coisas se explicam sozinhas. Ainda bem que eu vou morar no céu!

Enquanto refletia sobre um leque de sentimentos, presentes na vida de um cristão fiel e consciente de sua posição em Cristo; comecei a agradecer a Deus, por tudo o que fez por nós, em Cristo Jesus nosso Salvador! Não há como dissociar a vida e seus inúmeros becos e vielas, da graça que Deus nos concedeu através de Jesus. Não há como separar certos pontos de interesse, do conjunto da existência. Ou Deus é o Senhor de tudo; ou estamos sem defesa, a mercê de nossas escolhas. Quando Josué declarou: "Eu e minha casa serviremos ao Senhor!" (Josué 24.15). Ele deixou claro que plena paz e segurança, neste mundo mau e perverso, só é possível quando servimos ao Senhor; sem seguirmos em outra direção que não seja o Seu Caminho.

Uma vez que optamos por seguir o Caminho da Vida; jamais devemos esquecer de manter os olhos em Jesus: "Portanto nós também, pois que estamos rodeados de uma tão grande nuvem de testemunhas, deixemos todo o embaraço, e o pecado que tão de perto nos rodeia, e corramos com paciência a carreira que nos está proposta, Olhando para Jesus, autor e consumador da fé, o qual, pelo gozo que lhe estava proposto, suportou a cruz, desprezando a afronta, e assentou-se à destra do trono de Deus. Considerai, pois, aquele que suportou tais contradições dos pecadores contra si mesmo, para que não enfraqueçais, desfalecendo em vossos ânimos." (Hebreus 12:1-3). Somente assim, não correremos o risco de nos desviar da fé que uma vez

Como faz bem ouvir esta canção do Kleber Lucas, enquanto meditamos no Caminho:
https://youtu.be/wBTP7BDwq9U

Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário