quarta-feira, 23 de setembro de 2015

Vida de oração bem definida


Ao longo de minha vida, tenho sido convencido acerca da necessidade de oração na vida de todo cristão comprometido com Deus. Existem ocasiões, em que precisamos diminuir o ritmo de algumas atividades, em nossa vida; mesmo em ocupações que concernem à obra de Deus. No entanto, coisa alguma justifica nossa ausência do lugar de oração. A consagração pessoal de um crente não deve ser afetada por sua necessidade de recolhimento ou descanso. Enquanto medito neste assunto; sei que muitos crentes hão de concordar comigo; todavia, outros poderão ser tentados a questionar: "Será que o Bispo não exagera,, quando defende posição radical quanto ao tempo gasto com oração?" Contudo, sei que estou coberto de razão, naquilo que digo sobre este assunto.
 
Minha posição sobre a necessidade de mantermos uma vida de oração bem definida tem como fundamento, as palavras do próprio Jesus: "Orai, para que não entreis em tentação." (Lucas 22:40). A tentação é a maior ameaça ao crente! Somos tentados, até pelo modo como lidamos com coisas santas; que, algumas vezes, são profanadas pelo nosso modo de lidar com elas. Na verdade, todos os dias, vejo isto acontecer... Homens trocando ofensas e acusações, tendo como motivo a obra de Deus. E, o que é pior, homens e mulheres manipulando valores sagrados, movidos por interesses profanos. Tenho sabido de servos de Deus que, em meio ao ministério que exercem, se envolvem em aventuras amorosas extraconjugais. Como nós precisamos orar!
 
Hoje, mais do que nunca, devemos orar em todo o tempo: "Estai, pois, firmes, tendo cingidos os vossos lombos com a verdade, e vestida a couraça da justiça; E calçados os pés na preparação do evangelho da paz; Tomando sobretudo o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do maligno. Tomai também o capacete da salvação, e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus; Orando em todo o tempo com toda a oração e súplica no Espírito, e vigiando nisto com toda a perseverança e súplica por todos os santos, E por mim; para que me seja dada, no abrir da minha boca, a palavra com confiança, para fazer notório o mistério do evangelho," (Efésios 6:14-19). Pois, nem o uso de toda a armadura de Deus nos dispensa da oração.
 
Este fundo musical nos transporta a um dos mais profundos cânticos sobre oração:
www.youtube.com/watch?v=BuKD6E45Iw4
 
Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário