sexta-feira, 5 de junho de 2015

Real alegria e satisfação


Algumas vezes, em que procuro o lugar de oração; pensamentos ligeiros passam por minha mente... Algo como: O que teria sido minha vida; caso dependesse tão somente deste mundo, e do que nele se ensina, para desfrutar de verdadeiro saber e de real alegria e satisfação? Felizmente, o assunto nunca chega a evoluir em minha mente; pois, minha prostração aos pés do Senhor logo me transporta a uma densa atmosfera de segurança e conhecimento; a qual torna irrelevante toda e qualquer indagação ou suposição - sobre qualquer outro assunto, mesmo lícito e válido - que não seja a vida com Deus (presente e futura) e o meu comprometimento com minha família e com meu ministério. Então, posso  louvar ao Senhor por ser um homem de família e também um homem de Deus, cumprindo a missão que me foi proposta!
 
Existem verdades, inclusive sobre o estado deste mundo, que só podemos de fato conhecer se mantivermos nossa vida aos pés do Senhor; pois, este e outros tipos de conhecimento não vem por experiência de vida; ou mesmo por tradição religiosa. Na verdade, as academias deste tempo estão mais voltadas ao plantio de dúvidas, do que de certezas; posto que, eivadas de vãs filosofias, as escolas do saber estão corrompidas na essência. E esta degeneração é tão abrangente, que é possível encontrar na mesma vala muitas escolas de teologia cristã. Ainda bem que temos o Espírito, que nos guia em toda a verdade; a Palavra, nossa bússola; e a fé, que nos dá entendimento quanto à criação (Heb. 11.2); e que "é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que se não vêem." (Heb. 11.1).
 
Em Cristo Jesus nosso Senhor, somos salvos pela graça.
 
"Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que se não vêem. Porque por ela os antigos alcançaram testemunho. Pela fé entendemos que os mundos pela palavra de Deus foram criados; de maneira que aquilo que se vê não foi feito do que é aparente. Pela fé Abel ofereceu a Deus maior sacrifício do que Caim, pelo qual alcançou testemunho de que era justo, dando Deus testemunho dos seus dons, e por ela, depois de morto, ainda fala. Pela fé Enoque foi trasladado para não ver a morte, e não foi achado, porque Deus o trasladara; visto como antes da sua trasladação alcançou testemunho de que agradara a Deus. Ora, sem fé é impossível agradar-lhe; porque é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe, e que é galardoador dos que o buscam."
(Hebreus 11:1-6)
 
Porém, a fé é o meio pelo qual a salvação é consumada.
 
Aproveito, par recomendar ouvir esta canção da serva de Deus Alda Célia!
 
Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário