sábado, 13 de junho de 2015

Razão de muitos fracassos


Hoje estive buscando em Deus uma palavra, para conversar com um pastor... Pois, quando o assunto e ministério pastoral, alguns conceitos conflitam e divergências podem se acentuar. Cresce em mim a convicção, que buscar em Deus solução e resposta pode encurtar soluções e amaciar relacionamentos. Na verdade, procuro desenvolver minha experiência com base na Palavra de Deus; e ela nos diz que "Os homens maus não entendem o juízo, mas os que buscam ao Senhor entendem tudo." (Provérbios 28:5). Glória a Deus! Ao meditar na vida do Rei Uzias, consegui encontrar resposta para o seu sucesso como líder, neste texto: "Porque deu-se a buscar a Deus nos dias de Zacarias, que era entendido nas visões de Deus; e nos dias em que buscou ao Senhor, Deus o fez prosperar." (2 Crónicas. 26.5).
 
Não tenho a menor dúvida, de que a falta de uma vida em sintonia com Deus, por si só, explica a razão de muitos fracassos. Jesus assim nos exorta: "Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas." (Mateus 11:29). Não é de hoje, me convenci de que a humildade facilita soluções e conclusões. Entretanto, o que mais vemos na relação entre líderes e seus liderados é a falta deste valioso componente. A Bíblia diz que "O coração do homem se exalta antes de ser abatido e diante da honra vai a humildade." (Provérbios 18:12). Então me pergunto: Por que me exaltar, se depois disso vem o abatimento? Então, é bem melhor liderar e viver de modo humilde; pois a honra sempre há de acompanhar aqueles que assim procedem.
 
Sinto a humildade transpirar neste texto: "Aos presbíteros, que estão entre vós, admoesto eu, que sou também presbítero com eles, e testemunha das aflições de Cristo, e participante da glória que se há de revelar: Apascentai o rebanho de Deus, que está entre vós, tendo cuidado dele, não por força, mas voluntariamente; nem por torpe ganância, mas de ânimo pronto; Nem como tendo domínio sobre a herança de Deus, mas servindo de exemplo ao rebanho. E, quando aparecer o Sumo Pastor, alcançareis a incorruptível coroa da glória. Semelhantemente vós jovens, sede sujeitos aos anciãos; e sede todos sujeitos uns aos outros, e revesti-vos de humildade, porque Deus resiste aos soberbos, mas dá graça aos humildes. Humilhai-vos, pois, debaixo da potente mão de Deus, para que a seu tempo vos exalte;" (1 Pedro 5:1-6). Ainda em tempo, aprendi que ela é virtude indispensável a quem preside.
 
Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário