domingo, 17 de maio de 2015

Esperança de vida futura


Enquanto estou no lugar de oração buscando a face do Senhor; sinto crescer em mim, um sentimento de conforto e segurança que não encontro em nenhum outro lugar. Então, me pergunto: Se estar na presença de Deus em oração é tão seguro e importante; por que não buscá-lo mais vezes, ao longo de um dia? E meu próprio homem interior traz a resposta: É porque nossa natureza humana e física não se sente tão à vontade na presença de Deus, como ela se sente em meio à ocupação e ao burburinho do mundo material ao qual está ligada. Assim, agradeci ao Senhor por ser tão amoroso e complacente para com os homens; e por me ter brindado com a vida abundante que alcancei em Jesus, meu eterno e único Salvador.
 
Agradeci a Deus, por poder viver a esperança de vida futura. Sei que é comum, entre nós, o conceito de que "a esperança é a última que morre". Mas isto só acontece entre as pessoas sem Deus no mundo; pois a esperança do céu não morre! Pelo contrário, ela nos aponta para a Luz do futuro e nos alimenta com reflexões, quanto ao lugar que Jesus foi preparar para nós. E quando o nosso dia chegar, ela não seguirá conosco (nem tampouco a fé), pois apenas o amor seguirá em nossa companhia para o lugar em que fé e esperança não tem mais sentido. Então, ela continuará por aqui (assim como a fé); cumprindo a missão de aquecer o coração dos crentes que ainda estarão por aqui, enquanto esperam seu dia chegar.
 
Aqui, somos envoltos no manto da fé, esperança e amor:
 
"O amor nunca falha; mas havendo profecias, serão aniquiladas; havendo línguas, cessarão; havendo ciência, desaparecerá; Porque, em parte, conhecemos, e em parte profetizamos; Mas, quando vier o que é perfeito, então o que o é em parte será aniquilado. Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino, mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino. Porque agora vemos por espelho em enigma, mas então veremos face a face; agora conheço em parte, mas então conhecerei como também sou conhecido. Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três, mas o maior destes é o amor."
(1 Coríntios 13:8-13)
 
Mas, no céu, o amor de Deus abrange a tudo e a todos!
 
Recomendo ao cristão com esperança enfraquecida, que ouça esta canção do Grupo Hagios: www.youtube.com/watch?v=eTRrqYiSJbQ
 
Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário