sábado, 28 de março de 2015

Promessa de Sua vinda


Madrugada perante o Senhor é sempre um bom momento! Enquanto eu procurava me aconchegar e orar, comecei a cantar este cântico: "Te adoramos, ó Deus Rei do universo! Toda glória e louvor te sejam dados!" Em meio a um misto de emoções e pensamentos, me preocupei com todos aqueles que não levam Deus em conta. Ate mesmo com certos tipos de crente que, mesmo crendo em Deus, não buscam direção do Senhor nas decisões que tomam; e, pior ainda, aqueles que - alegando que "o que Deus quer mesmo é o coração" - fazem as piores coisas com o resto do seu corpo, criado por Deus para ser "templo do Espírito". É... Não consigo deixar de pensar naqueles que vivem e agem, como se existisse prazer apenas em coisas mundanas; e se todos os interesses e questões da existência, estivessem restritos apenas a este mundo. Será que não se apercebem do erro que cometem?
 
Então, ao refletir sobre tudo isto, pensei naquilo que Jesus afirmou: "Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito. Vou preparar-vos lugar. E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também." (João 14:2-3). E fiquei a pensar na perda que sofrem os que pensam apenas nesta vida. E o pior é que a grande maioria só se dará conta do prejuízo quando já for tarde demais! Todos os dias morrem pessoas... E a grande maioria com destino incerto. Muitos daqueles que vivem em nosso tempo, se declaram ateus. E pergunto: Como pode alguém chegar a tão temerária conclusão? Baseados em quais fatos, tomam decisão tão comprometedora? Que mestre lhes deu provas de que, após a vida, só existe o nada? Neste momento, louvei a Deus por poder cultivar a fé bíblica!
 
Neste texto fica evidente a intenção de Jesus em procurar tranquilizar seus discípulos, com a promessa de que um dia voltará: "Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim. Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito. Vou preparar-vos lugar. E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também. Mesmo vós sabeis para onde vou, e conheceis o caminho. Disse-lhe Tomé: Senhor, nós não sabemos para onde vais; e como podemos saber o caminho? Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim." (João 14:1-6). Portanto, nela baseados, devemos crer e prosseguir sempre, sem jamais esmorecer; mantendo os nossos olhos fitos no céu e nossa esperança em sua segunda vinda; ainda que pareça tardia!
 
Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário