quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

Fundamento e cobertura

Foto: Algumas vezes, fico a pensar... Como agradecer a Deus tanto amor e graça vindo de Sua mão? Como adorar em nível aceitável ao Deus Criador de todas as coisas, que exerce domínio sobre todo o universo? Este modo de pensar arrefece qualquer suposição exagerada sobre minhas qualidades e habilidades; e do mesmo modo, reduz minha vaidade e orgulho ao seu devido lugar. Obrigado, Senhor! Não é de hoje, percebo o mundo aloprar gradativamente... Homens loucos por razões diversas, andam por aí, ferindo e matando sem razão alguma; despidos que foram - há muito tempo - de qualquer senso de coexistência e propósito. Em um mundo em tal estado, só o Senhor para nos proteger e guardar deste mal crescente.

A Palavra de Deus adverte, que "Se o SENHOR não edificar a casa, em vão trabalham os que a edificam; se o SENHOR não guardar a cidade, em vão vigia a sentinela." (Salmos 127:1). Isto não significa que não tenhamos nada a fazer, quanto ao cuidado da casa, dos filhos, dos bens... Todavia, deixa claro que nosso esforço em nos blindar e proteger não é suficiente para garantir nossa segurança. Na verdade, segurança e sustento pleno deriva de um trabalho de cooperação entre o Senhor e nós; ou seja: Precisamos fazer a nossa parte; porém, sabendo que ela é apenas um dos lados da realização; pois, ai de nós se o Senhor for deixado de lado em qualquer empreendimento na vida. É por isto que o Brasil está qual barco a deriva.

Algumas vezes, fico a pensar... Como agradecer a Deus tanto amor e graça vindo de Sua mão? Como adorar em nível aceitável ao Deus Criador de todas as coisas, que exerce domínio sobre todo o universo? Este modo de pensar arrefece qualquer suposição exagerada sobre minhas qualidades e habilidades; e do mesmo modo, reduz minha vaidade e orgulho ao seu devido lugar. Obrigado, Senhor! Não é de hoje, percebo o mundo aloprar gradativamente... Homens loucos por razões diversas, andam por aí, ferindo e matando sem razão alguma; despidos que foram - há muito tempo - de qualquer senso de coexistência e propósito. Em um mundo em tal estado, só o Senhor para nos proteger e guardar deste mal crescente.
 
A Palavra de Deus adverte, que "Se o SENHOR não edificar a casa, em vão trabalham os que a edificam; se o SENHOR não guardar a cidade, em vão vigia a sentinela." (Salmos 127:1). Isto não significa que não tenhamos nada a fazer, quanto ao cuidado da casa, dos filhos, dos bens... Todavia, deixa claro que nosso esforço em nos proteger não é suficiente para garantir nossa segurança. Na verdade, segurança e sustento pleno deriva de um trabalho de cooperação entre Deus e nós; ou seja: Precisamos fazer a nossa parte; porém, sabendo que ela é apenas um dos lados de um mesmo processo; então, ai de nós se o Senhor for deixado de lado em nossos projetos de vida. É por isto que o Brasil segue qual barco a deriva.
 
Em meio a qualquer dificuldades que enfrentemos neste mundo; vale sempre a pena confiar no Senhor: "Se o SENHOR não edificar a casa, em vão trabalham os que a edificam; se o SENHOR não guardar a cidade, em vão vigia a sentinela. Inútil vos será levantar de madrugada, repousar tarde, comer o pão de dores, pois assim dá ele aos seus amados o sono. Eis que os filhos são herança do Senhor, e o fruto do ventre o seu galardão. Como flechas na mão de um homem poderoso, assim são os filhos da mocidade. Bem-aventurado o homem que enche deles a sua aljava; não serão confundidos, mas falarão com os seus inimigos à porta." (Salmos 127:1-5). Ele é o único fundamento e cobertura para nós e nossa família.
 
Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário