domingo, 11 de janeiro de 2015

Causa e efeito de conflitos

 
Não sei se todos percebem; mas... Vejo o mundo ser afligido por três males que se sobrepõem a muitos outros. Males que são causa e efeito de conflitos entre as pessoas; tão influentes e determinantes, que até mesmo bons cristãos - outrora lúcidos e seguros - têm sido afligidos e dominados por eles. Eles são causa maior de crises e confrontos nas melhores famílias, nas melhores nações e nas melhores religiões; arrastando em suas águas ruidosas, gente de todo tipo, raça e credo. Estes três males são: Ansiedade, impaciência e intolerância. E suas vítimas já se somam aos milhões.
 
Olhando em outra direção vejo um outro mundo, cujos habitantes vivem uma outra realidade. O mundo de Abraão e sua calma, de Davi e sua paciência, de Daniel e sua tolerância. No mundo em que estes homens viveram - e ainda vivem - existe um rio que banha a cidade de Deus; cujas águas curam e confortam a pessoa mais enferma e aflita. Seu efeito é visível na vida daqueles que vivem sempre à sua margem e bebem de suas águas. Suas fontes jorram no coração dos saciados, rumo à eternidade. Este rio de vida (o Espírito Santo) santifica aqueles que são por ele tocados.
 
Acho bem oportuno este texto, pois ele diz tudo aquilo que não consegui dizer: "E no último dia, o grande dia da festa, Jesus pôs-se em pé, e clamou, dizendo: Se alguém tem sede, venha a mim, e beba. Quem crê em mim, como diz a Escritura, rios de água viva correrão do seu ventre. E isto disse ele do Espírito que haviam de receber os que nele cressem; porque o Espírito Santo ainda não fora dado, por ainda Jesus não ter sido glorificado." (João 7:37-39). Como é importante buscarmos viver uma vida no Espírito! E nos enchermos desta Água que corre do trono de Deus.
 
Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário