domingo, 28 de dezembro de 2014

Um lugar do coração


Hoje, após noite bem dormida e coração descansado, fico a pensar no vai e vem de famílias - em intermináveis viagens - rumo ao encontro com seus queridos, em algum lugar, perto ou longe. Sei que nem todos poderão rever seus amados, em datas tão especiais... Todavia, o importante é carregarmos conosco - em um lugar do coração onde serão sempre lembrados e sentidos - aqueles que raramente vemos. Sinto gratidão a Deus por meus familiares, diretos e indiretos, e por todos os amigos que acumulei ao longo dos anos. Afinal, fazem parte do meu rico tesouro.
 
Desde que me entendo por crente, acredito que Deus nos chamou e salvou para nos abençoar com Sua graça e presença. No entanto, isto não anula o fato de que, fomos chamados por Ele para sermos abençoadores daqueles que convivem conosco; ou que, simplesmente, atravessam o nosso caminho. É verdade! Em um mundo no qual a maioria das pessoas vive para si e só pensa em si mesma; somos vasos de Deus para abençoar pessoas; ou então, na pior das hipóteses, nos esforçando para não atrapalhar e afligir suas vidas. Assim tenho pensado, assim tenho procurado viver.
 
Penso que este texto é maravilhoso incentivo ao amor, cordialidade e respeito entre as pessoas:
 
"Amai-vos cordialmente uns aos outros com amor fraternal, preferindo-vos em honra uns aos outros. Não sejais vagarosos no cuidado; sede fervorosos no espírito, servindo ao Senhor; Alegrai-vos na esperança, sede pacientes na tribulação, perseverai na oração; Comunicai com os santos nas suas necessidades, segui a hospitalidade; Abençoai aos que vos perseguem, abençoai, e não amaldiçoeis. Alegrai-vos com os que se alegram; e chorai com os que choram; Sede unânimes entre vós; não ambicioneis coisas altas, mas acomodai-vos às humildes; não sejais sábios em vós mesmos; A ninguém torneis mal por mal; procurai as coisas honestas, perante todos os homens. Se for possível, quanto estiver em vós, tende paz com todos os homens. Não vos vingueis a vós mesmos, amados, mas dai lugar à ira, porque está escrito: Minha é a vingança; eu recompensarei, diz o Senhor. Portanto, se o teu inimigo tiver fome, dá-lhe de comer; se tiver sede, dá-lhe de beber; porque, fazendo isto, amontoarás brasas de fogo sobre a sua cabeça. Não te deixes vencer do mal, mas vence o mal com o bem."
(Romanos 12:10-21)
 
Portanto, em um mundo marcado por desrespeito à vida, creio que vale a pena pô-lo prática!
 
Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário