segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Verdadeira Noiva de Cristo


Que o nosso mundo (planeta) gira em torno do sol e em torno de si mesmo - tal e qual uma bailarina em sua coreografia - descrevendo círculos perfeitos, sem fugir do seu roteiro, todas as pessoas minimamente esclarecidas sabem. No entanto, o que a grande maioria das pessoas parecem desconhecer; é que o nosso mundo (sistema) segue a deriva, sem rumo e sem futuro - tal e qual um ser enlouquecido que não sabe de onde vem, nem o que pretende, nem para onde vai - cada vez mais perto do abismo para o qual, em sua perversão, se dirige. Já tenho dito, muitas vezes, que não sou profeta. Todavia, não é preciso ser profeta para saber que neste mundo - inimigo do Deus eterno - as coisas vão de mal a pior.
 
Graças a Deus, temos a presença da Igreja no mundo; Igreja que Jesus instituiu a cerca de dois mil anos atrás. A verdadeira Igreja de Cristo; que não depende do carisma e criatividade dos homens, para cumprir eficazmente sua missão no mundo. É bem verdade que, ao longos dos séculos, transita por esta terra uma "igreja" calibrada com o sistema vigente no mundo; com sua liturgia e seus códigos, procurando passar a impressão de que é uma igreja de Cristo. Embora procure disfarçar seus reais intentos - produzida e reproduzida em seus trajos brilhantes - sua natureza é percebida, nas alianças que forma e nas escolhas que faz. No entanto, a beleza da verdadeira Noiva de Cristo jamais poderá ser igualada!
 
Este entendimento de Paulo não é fruto de mera especulação:
 
"Por isso, quando ledes, podeis perceber a minha compreensão do mistério de Cristo, O qual noutros séculos não foi manifestado aos filhos dos homens, como agora tem sido revelado pelo Espírito aos seus santos apóstolos e profetas; A saber, que os gentios são co-herdeiros, e de um mesmo corpo, e participantes da promessa em Cristo pelo evangelho; Do qual fui feito ministro, pelo dom da graça de Deus, que me foi dado segundo a operação do seu poder. A mim, o mínimo de todos os santos, me foi dada esta graça de anunciar entre os gentios, por meio do evangelho, as riquezas incompreensíveis de Cristo, E demonstrar a todos qual seja a comunhão do mistério, que desde os séculos esteve oculto em Deus, que tudo criou por meio de Jesus Cristo; Para que agora, pela igreja, a multiforme sabedoria de Deus seja conhecida dos principados e potestades nos céus, Segundo o eterno propósito que fez em Cristo Jesus nosso Senhor, No qual temos ousadia e acesso com confiança, pela nossa fé nele."
(Efésios 3:4-12)
 
Na verdade, sua visão da Igreja é fruto da mais pura revelação!
 
Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário