domingo, 11 de maio de 2014

Homenagem às mães


Tenho tido um dia de intensa atividade neste domingo. Pela manhã, culto matutino com ministração, seguido de almoço de confraternização; reunião na parte da tarde, com toda a liderança da igreja; e, daqui a pouco, o culto de encerramento das festividades dos 23 de existência da IMW de Teixeira de Freitas, aqui no extremo sul da Bahia. Não será exagero afirmar que mal tive tempo para respirar; no entanto, foi gratificante constatar aquilo que o Senhor está fazendo no Distrito de Teixeira de Freitas, através da gestão do Pastor João Batista de Aguiar. Ontem tivemos um maravilhoso culto, com a presença da grande maioria dos pastores e representantes de igrejas deste Distrito.
 
Mesmo sem tempo, senti necessidade de postar uma saudação especial neste dia reservado à justa homenagem às mães. Sinto gratidão a Deus por poder entender, que, enquanto houver mães neste mundo, o ciclo da existência humana será mantido sem interrupção. E de um modo especial, sou grato a Deus pelas queridas mães que tenho em minha pequena casa (minha esposa Maria Célia Calegari; minha filha Daniela Calegari; e, minhas noras Simone Calegari e Synara Bastos Calegari). Portanto, mesmo estando com o meu tempo contado, achei por bem postar uma palavra de gratidão a Deus, por esta figura tão importante que é a mulher - este ser com o dom da maternidade.
 
E em data tão especial, não tenho como não me lembrar de minha mãe (de saudosa memória). Louvo a Deus por ela, por ter sido instrumento de Deus para me trazer a este mundo. Ela partiu para o Senhor; porém, o seu ato de amor demonstrado ao me dar à luz, fez de mim um cidadão brasileiro e - o que é ainda mais importante - a chance de ter me tornado um cidadão do reino dos céus. Realmente, não posso dissociar a minha inesquecível mãe da minha existência presente e futura; uma vez que ela teve parte direta em ambas as vidas que possuo em Cristo Jesus. Portanto, sou grato a Deus pela vida de Luzia de Araújo Figueiredo - já falecida - por ter sido a mãe que Ele me deu!
 
Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário