quarta-feira, 2 de abril de 2014

O mais importante



 
Nesta segunda-feira de manhã, senti prazer em estar aqui em Santana do Deserto - pequena cidade mineira, fronteiriça com Levy Gasparian - divisa com o Estado do Rio de Janeiro. É que, após um culto marcado pelo sobrenatural de Deus e uma noite bem dormida; percebi ter me equivocado quanto ao horário de me levantar, me erguendo bem mais cedo. Todavia, logo percebi que, embora tenha me levantado fora de minha hora, levantei-me na hora de Deus. Não perdi tempo! Encontrei meu lugar de oração e me voltei para a intercessão. Senti necessidade especial de orar por minha esposa e meus filhos. Sei da proteção de Deus sobre eles; mas, senti que esta intercessão era importante.
 
 
Enquanto eu orava, senti necessidade de interceder também pelos líderes wesleyanos das esferas geral e regional; pois estamos juntos, em missão árdua e urgente. Tentei entender alguns sentimentos e indagações que tentam a todo custo ocupar lugar especial na vida de um líder levantado por Deus, especialmente em determinadas ocasiões; tais como: "Devo parar ou prosseguir... Devo me apresentar ou me omitir..." Se não tivermos cuidado, nos tornamos cativos destas preocupações. Então, ouvi a voz do Senhor, a me dizer que este não é o foco; pois, a prioridade é buscar Sua face e andar em Sua presença. Senti um prazer que comoveu meu espírito; por saber que isto é o mais importante.
 
 
O texto bíblico que apresento em seguida, revela o galardão e a honra que acompanham a vida daqueles que não medem distância, em sua missão de levar a Palavra de Deus: "Porque todo aquele que invocar o nome do SENHOR será salvo. Como, pois, invocarão aquele em quem não creram? e como crerão naquele de quem não ouviram? e como ouvirão, se não há quem pregue? E como pregarão, se não forem enviados? como está escrito: Quão formosos os pés dos que anunciam o evangelho de paz; dos que trazem alegres novas de boas coisas." (Romanos 10.13-15). Sempre que deparo com texto assim, sinto paz no coração por saber que estou entre os que assim pensam e procedem!
 
Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário