domingo, 10 de novembro de 2013

Sinfonia da vida


Dou graças, meu Deus; por poder Te buscar, prostrado no lugar de oração; lugar essencial, para que os demais lugares que frequento tenham sentido e propósito. Não sei com detalhes, como será o meu dia e a minha vida pelo simples fato de orar; todavia, sei muito bem como seria minha existência se eu não orasse: Seria um inferno chamado de vida. Sinto prazer especial em poder me mover, observar e... Contemplar uma pequena plantinha em meio ao arvoredo; poder sentir os diversos cheiros enquanto ando - alguns agradáveis, outros não; porem, harmoniosos, como se fizessem parte de uma peça da sinfonia da vida. Os animais que encontro ao caminhar, com suas formas, cores e sons peculiares; compõem o "todo" de uma sinfonia que Te exalta o tempo todo, meu Criador!
 
Entretanto, enquanto caminho; vejo homens e mulheres, sob a forma de crianças, jovens, adultos e idosos... Então, percebo que estou diante do alvo direto do Teu grande amor; então... Me dou conta de que sou um deles; parte da mesma massa humana pela qual Jesus deu Sua vida. Todavia, sei em meu íntimo que eles são tão diferentes entre si. Enquanto alguns corpos deformados escondem u'a alma de rara beleza; outros corpos "sarados" e belos disfarçam muito bem a alma aleijada que carregam dentro de si. Enfim, sei que o sorriso de alguns não me deixa ver a dor que carregam em seu íntimo; e, que, um semblante de aspecto comum e gentil pode camuflar a presença de um monstro se movendo em meio a multidão. Ainda bem que Tu conheces muito bem a todos nós!
 
E assim, querido Pai; enquanto procuro entender as pessoas, me dou conta de que não estou em condição de julgar corretamente os homens mediante uma olhada superficial. Já faz muito tempo, aprendi que as coisas não são exatamente o que parecem ser; inclusive os homens. Então, me convenço de que somente conseguirei compreender bem as pessoas que me cercam; se manter os meus olhos fitos em Jesus. Pois, se Jesus for a "lente" dos meus olhos, conseguirei ver em alguém deformado pelo pecado e miséria em que vive; a vida pela qual Ele se doou na morte. E, finalmente, saberei que o pior dos seres humanos - passando pela fonte de sangue que jorra da cruz - poderá se transformar no santo e no servo que jamais conseguirei ser; pois, Tua graça tudo transforma!
 
Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário