quarta-feira, 6 de novembro de 2013

Jesus, Nome mais Alto


Nesta madrugada eu pude me estender no lugar de oração, em busca do favor do Senhor. Não entanto, fui levado a adorar e exaltar o Deus eterno, de um modo profundo e incomum. Declarei, em minha insignificância, a majestade de Deus; me vendo como um ponto minúsculo residindo em um pequenino planeta que gira em torno de uma pequena estrela de 5ª grandeza; tudo tão pequeno na vastidão de um universo que parece não ter fim... Entretanto, esta partícula de pó que sou eu é amada pelo Deus eterno; que enviou seu filho Jesus para morrer em meu lugar. Não tenho palavras para engrandecer a Deus em minha própria língua! Ainda bem que meu espírito recebeu o dom de falar a língua dos anjos como meio de comunicação com o Pai; e assim, posso falar com Deus em mistério, sobre os mistérios de Deus. Ainda que quisesse, não poderia explicar o que senti enquanto orava!
 
Ao final, sem que eu desse conta do tempo, pude agradecer a Deus por entender o valor da vida e as razões pelas quais se vale a pena viver. Entendi que um homem ou mulher de Deus não é maior ou menor em sua relação com outras pessoas. Então percebi que, para Deus, todos tem o mesmo valor; ainda que vivendo de modo diferente. Pude entender que Davi não se tornou menor devido à sua falha moral, nem Daniel se tornou maior devido ao seu caráter ilibado... Mas que Deus nivela todos por baixo; para, então, trazer todos ao nível do Senhor Jesus - o Homem perfeito - Aquele que é a única medida de perfeita aferição aos olhos do Pai. Como me faz bem saber que a grandeza de Jesus encobre a minha pequenez; e que Sua santidade me envolve, na justa medida em que me deixo envolver por Seu sangue derramado pelos pecadores. Obrigado por desfrutar desta graça, amado Jesus!
 
Sinto prazer em poder agir conforme este texto: "De sorte que haja em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus, Que, sendo em forma de Deus, não teve por usurpação ser igual a Deus, Mas esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, fazendo-se semelhante aos homens; E, achado na forma de homem, humilhou-se a si mesmo, sendo obediente até à morte, e morte de cruz. Por isso, também Deus o exaltou soberanamente, e lhe deu um nome que é sobre todo o nome; Para que ao nome de Jesus se dobre todo o joelho dos que estão nos céus, e na terra, e debaixo da terra, E toda a língua confesse que Jesus Cristo é o SENHOR, para glória de Deus Pai." (Filipenses 2.5-11). Graças a Deus, estou em condição de declarar que - tanto com os meus joelhos dobrados, como com minha confissão do nome de Jesus - posso cumprir com alegria a minha missão de adorador!
 
Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário