domingo, 4 de agosto de 2013

Visita ao Distrito de Salvador


Na sexta-feira, nos movimentamos para mais uma viagem. Saímos na parte da manhã, de Itabuna para Salvador; tendo deixado o carro em Itabuna (o sandero stepway está tão ligado ao que fazemos, que é como se fosse alguém da família que ficasse para trás). Graças a Deus - tanto Maria Célia quanto eu - não cultivamos sentimentos de saudades a ponto de nos deixarmos deprimir ou abater por eles. As saudades existem; mas ficam guardadas em lugar de honra dentro de nós, na esperança de rever pessoas que amamos. No entanto, no ministério que exercemos, em nome de Jesus, não existe lugar para melancolia. Deixamos para trás amigos e irmãos. Louvo a Deus por minha esposa!
 
Realmente, em nosso último culto no Distrito de Itabuna, vimos a mão de Deus agir e ouvimos Sua voz soar forte e clara. Como a luz de Deus brilha na poderosa IMW de Itabuna?! Louvo a Deus pelo ministério do Pastor Agostinho Oliveira e sua esposa Aparecida; e, também, pela equipe de liderança que esta igreja cultiva, homens e mulheres de visível dedicação. Foram muito edificantes os dois dias que passamos hospedados na casa deste querido casal. Todavia, a jornada prossegue; e, chegamos a Salvador. Fomos recebidos no Aeroporto pelo casal, Pastor Roberto Diogo e Ivete. Após um delicioso almoço e um bom descanso, fomos visitar o casal Milton e Dra Cláudia, sua esposa.
 
A noite, com o templo sede em construção, fomos para o templo da congregação, onde os cultos estão sendo realizados. Fiquei impressionado com a quantidade de irmãos que estão participando da campanha de quarenta dias de jejum e oração no templo. Maria Célia trouxe uma saudação e eu preguei em seguida. Logo após o culto, fomos conduzidos a conhecer as instalações da congregação construída na última etapa do ministério do Pastor Niel em Salvador (atualmente ele se encontra em Belo Horizonte, pastoreando a IMW de Ribeiro de Abreu). Eu ainda em Salvador. Depois, fomos dormir, pois no dia seguinte viajaríamos para Coração de Maria; rumo ao I Congresso Distrital.
 
Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário