quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

Sobreviver é preciso

 

Percebo a admiração de alguns, pelo fato de eu me referir sempre à minha presença no lugar de oração; tal como venho fazendo a muito tempo. Quero aproveitar este espaço para afirmar que esta é a minha atividade mais importante em mais um dia a ser vivido e em outros dias que virão. É que não consigo ver um dia pleno - em todos os sentidos que o termo encerra - sem a minha presença no lugar de oração.
 
As vezes eu pergunto a mim mesmo: Como conseguir enfrentar desafios crescentes e imprevisíveis; ou, suportar provas inesperadas; ou, mesmo, conseguir transitar em meio a tantos riscos e perigos, sem que eu me apresente primeiro perante o Pai, pelo Seu Espírito, em nome de Jesus? Portanto, quero aqui declarar - aos favoráveis e aos contrários quanto a esta minha postura - que sobreviver é preciso!
 
E quanto a isso, eu posso apregoar a plenos pulmões: Não há como sobreviver em um mundo tão perigoso e hostil - e não me refiro apenas à vida espiritual e física - a menos que estejamos dispostos a estar na presença de Deus. É... Não há como vencer sem buscar a Deus! Eu não tenho a menor dúvida em dizer que a vitória de nossa família vai depender muito da nossa presença no lugar de oração.
 
Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário