sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Sou feliz assim


Meu Senhor! Prostrado neste lugar de oração, sinto não poder conter toda a gratidão que trago comigo. Não entendo como ela - estando dentro de mim - consegue ser maior do que eu mesmo. É por demais profundo! Todavia, tenho consciência de que por mais tempo que alguém viva; ou por mais grandiosa que seja sua lápide; ou por mais honra que ele receba de outros homens quando morre; nada disso terá valor prático... Se ele não conseguir um modo de morrer que seja melhor do que o modo como nasceu.
 
No entanto, tenho fé que Jesus é quem transforma e faz toda a diferença! De qualquer modo, mesmo vivendo por fé, eu não saberia explicar a força capaz de mudar alguém como eu. Sei que sou diferente do que fui; mas... Entre saber e entender existe uma distância que vai além da razão. Eu não conseguiria entender plenamente e, muito menos, explicar em detalhes a graça que me faz cantar; ou, o perdão que me faz perdoar; ou, o amor que me faz amar até mesmo os meus inimigos. Mas sei que sou feliz assim!
 
Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário