sábado, 6 de agosto de 2011

Procura-se um amigo de verdade

"O amigo ama em todo o tempo; e para a angústia nasce o irmão" (Provérbios 17.17)

Estou a procura de um novo amigo de verdade. Sei que não é uma tarefa fácil - encontrar um amigo com este atributo. Mas estou a procura de mais um membro desta rara estirpe.

Um amigo que não exija da minha parte, conivência ou cumplicidade - em atitudes suas com as quais eu não concorde. Um amigo que não cobre pela amizade concedida - uma vez que amizade não tem preço. Um amigo que seja franco o bastante, para me dizer as verdades que preciso ouvir - e não somente as que quero ouvir. Um amigo que não exija favores em troca dos favores que me venha a fazer. Um amigo que não divulgue minhas confidências - feitas em momentos de fragilidade e insegurança.

Um amigo que respeite os limites da minha privacidade. Um amigo que entenda a amizade como algo generoso e não egoísta - não exigindo de mim amizade exclusiva. Um amigo que compreenda e respeite os limites impostos pelas minhas convicções - não esperando de mim algo que eu não possa fazer em sã consciência. Um amigo que me valorize pela amizade em si mesma - não por aquilo que pretenda auferir dela. Um amigo cuja conduta leve em conta a fé e os ideais que defendo. Um amigo que perceba quando pretendo ficar a sós - curtindo por um pouco a minha necessidade de solidão; ou de ficar a sós com o "Amigo maior".

Sim, preciso de um novo amigo de verdade! Ajude-me a encontrá-lo - para que eu possa enriquecer ainda mais a relação de amigos de verdade que já tenho.

"Por causa dos meus irmãos e amigos, direi: Haja paz dentro de ti" (Salmo 122.8)

Cordialmente;

Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário