sexta-feira, 6 de maio de 2011

Visita a lugares de Portugal (Gafanhas)

Como Pastor wesleyano que sou, já trabalhei nos mais diversos lugares e pastoreei as mais diversas igrejas. E tudo aquilo que tenho visto e experimentado me autorizam a dizer que a IMW da Gafanha da Nazaré foi uma das mais importantes igrejas com que lidei. Portanto, retornar à sua tribuna - para pregar a Palavra de Deus foi uma experiência gratificante.

IMW da Gafanha da Nazaré

Esta igreja foi a segunda IMW a ser estabelecida em solo português. Ainda me lembro perfeitamente do dia de sua inauguração: 25 de abril de 1980; data em que empossei à frente da mesma o Pastor Nivaldo Gomes Rebouças, na altura recém-chegado do Brasil. O seu ministério estabeleceu ali uma história de dedicação e de sucesso, ainda lembrada por aqueles irmãos - mesmo por alguns que não estão mais naquela igreja.

O Pastor César foi nos buscar na casa do Bispo Oséas - onde estamos hospedados. Após tomarmos um delicioso café, feito pela irmã Maria Celia, saímos para o culto naquela igreja. Célia não pode nos acompanhar; pois, o resfriado que havia me "bombardeado", estava dando mostras de querer "mudar de endereço". Chegamos um pouquinho antes do início do culto. Cumprimentamos o Pastor Márcio Santos - seu atual pastor - e sua esposa Alessandra; deu também para cumprimentar alguns irmãos, antes que o culto fosse iniciado. O templo da Gafanha está de uma beleza e harmonia, que dá gosto ver.

Culto iniciado! Ministério de Louvor chamando os participantes para a adoração, com aquele cântico que está sempre presente em meu espírito: "Render a Ti adoração e derramar meu ser - é o que meu coração deseja toda manhã...". Em meu íntimo, aplaudi (começaram muito bem). Após os louvores e oportunidades, fui convidado pelo Pastor Márcio à tribuna; o qual me passou prontamente a palavra. Depois de ter falado algo sobre meu ministério e minha família, passei a pregar sobre o texto de João 5.1-15; desenvolvendo o tema "Tão perto da bênção - Tão longe de Deus". Após a pregação, enquanto o Ministério de Louvor me dava suporte, chamei todos à frente - para um momento de oração. Bênção pura!

Antes de sairmos, conversei um pouco com alguns irmãos. Foi muito bom rever o Isidoro e Idalina - pais de Maria José e Romi; e também abracei sua filha Fernanda e Francisco - seu único filho homem. Abracei também Maria Sindurino e Isabel - sua filha. Filomena e Rosa Macedo também estavam (no sábado estarei almoçando com a primeira e jantando com a segunda). Foi muito bom ver o Patacão e sua família - todos muito dedicados na igreja. abracei também o Domingos e seus familiares - dentre outros amados irmãos. Lamentei não ter encontrado o João Neves e o Miguel Dinis no quadro de membros - por tudo aquilo que representaram na história desta querida igreja.

Enfim, foram momentos muito edificantes; saímos dali com a impressão de que o Pastor Márcio vem desenvolvendo um ministério centrado em boa qualidade. Sua dedicação é visível. Ele já está dando os primeiros passos para a construção do novo templo. É um homem de fé e Deus há de lhe dar mais esta conquista em seu ministério. Ao chegar em casa, transmiti à Maria Celia todos os abraços e beijos que me encarregaram de lhe dar. Obrigado Senhor!

Cordialmente;
Bispo Calegari

Nenhum comentário:

Postar um comentário