domingo, 17 de outubro de 2010

Giro episcopal pela II Região

IMW de Peixe

Nossa viagem prosseguiu, deixando o Pastor Júlio Celso em Palmas; Seguindo até Gurupi. , apenas para nos aprontarmos para o culto em Peixe. Esta cidade fica a setenta km de Gurupi. A igreja estava em culto, mas não sabia da nossa chegada. É que se deu o falecimento do pai da irmã Luci - esposa do Pastor Emildo. Como eles tiveram que viajar para Uberlândia, em função da grave enfermidade e falecimento do pai e sogro do casal, o Pastor Emildo informou a igreja que não iríamos mais fazer a visita. Depois de termos feito uma rápida visita ao Presbítero Mauro - homem de Deus e coluna naquela igreja; uma família muito amada pelos irmãos da igreja do Peixe. Participamos de um culto pouco frequentado. Mas isso não diminuiu a alegria dos presentes com a nossa visita.

O Presbítero Divino, da Igreja O Brasil Para Cristo, a quem o Pastor Emildo entregara a igreja durante os dias de sua ausência, dirigiu o culto. Sem saber quem éramos, dirigiu-se a mim, perguntando se eu era um visitante do lugar. O Pastor Adair apresentou-me aos poucos irmãos presentes. O Ministério de louvor teve brilhante participação. São meninas que valem ouro. Preguei como se fosse o maior auditório da minha vida! Após o culto, abraçamos aos queridos irmãos e fomos comer pizza em casa do Presbítero Divino, que nos recebeu muito bem em sua casa. Só estranhamos a igreja não ter sido entregue ao Presbítero Mauro. No dia seguinte, o Pastor Emildo me telefonou , se desculpando por ter entendido que eu não faria a visita. Expliquei-lhe que era uma visita agendada; portanto, não poderia deixar de ir.

IMW de Gurupi

Naquela noite, dormi em Gurupi, na casa pastoral. A irmã Alaide, esposa do Pasto Adair, preparou um almoço bem mineiro - frango com quiabo, angú, arroz e feijão. Após o almoço, fomos, juntamente com o Presbítero Donizete Ferreira, para conhecer as cidades de Cariri e Figueirópolis, às margens da Belém/Brasília; a primeira a cerca de vinte km e a segunda a cerca de cinquenta km de Gurupi. A Sede Regional Tem projetos de abertura de novos trabalhos em Tocantins, que incluem estas duas cidades.

Em Gurupi, não houve culto; mas sim uma confraternização com os irmãos da liderança da igreja. Estavam presentes : Família Pastoral: Pastor Adair, Alaide (esposa), Adair Junior e Pryscyla Ohana (filhos). Oficiais da igreja: Donizete Ferreira,( presbítero) Vaneuza Martins,( Diaconisa). Nilson Coelho,( Diretor de jovens). Paulo Roberto,(Diacono). Alaide Bastos,(diretora de louvor). Foram horas de grande alegria, com muito louvor e muita comunhão! Enquanto confraternizávamos, foi servido um delicioso caldo de frango; algo bem informal.

Cordialmente;
Bispo Calegari

2 comentários:

  1. Graça e paz, sempre!

    Passei por aqui para conhecer seu blog.
    Estou procurando bons blogs para compartilhar.

    Já estou te seguindo.

    Ficaria muito feliz se puder me visitar.
    Se quiser me seguir também será um prazer para mim.

    Abraço em Cristo,

    Sandro
    http://oreinoemnos.blogspot.com/
    Te espero lá.

    ResponderExcluir
  2. É uma pena que nós
    fomos pegos tão desprevinidos Bispo !
    Estavamos todos muito alegres com sua
    vinda até Peixe-To ... Nos organizamoos
    para realizarmos uma grande festa , porém
    não deu certo !
    Mas, foi culto muito abençoado , e tivemos
    naquele dia mais um motivo pra sorrir e
    lutar , creio que Deus vai nos honra
    e que na proxima vez que o Senhor vir nos
    visitar a igreja estará cheiaa !
    Abraços
    Taylany .. Violonista ( uma das meninas do louvor ) !

    ResponderExcluir